Carregador de celular com chip rouba dados de telefone, diz boato

Boato – Cuidado com carregadores de celular que você compra no camelô. Eles têm um espaço para chips telefônicos e roubam dados de usuários.

Alertas de crimes que bandidos estão praticando na praça são comuns na internet. O detalhe é que (infelizmente ou felizmente) muitas dessas histórias não passam de balelas criadas por mentes criativas. O último desses contos aponta que camelôs estão vendendo carregadores de celular modificados para hackear dados de usuários.

Carregador de celular hackeia telefones, diz boato
Carregador de celular hackeia telefones, diz boato

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:
Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99432-5485 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

A história começou com uma postagem no Facebook da página “Serviço Reservado de Inteligência e Contrainteligência P2”. Ela mostrava a foto de um carregador de telefone que, quando aberto, revelava um chip de celular da empresa Vivo. Leia o texto que acompanha a postagem:

Vc compra um carregador, ai qnd pensa q está apenas carregando ele está enviando os seus dados
Cuidado ao comprar carregadores em camelôs, a mais nova dos bandidos

A mensagem foi repassada por outras páginas como a “Isso é Brasil”, que colocou a seguinte mensagem:

ATENÇÃO NOBRES AMIGOS MUITO CUIDADO. #COMPARTILHE PARA O CONHECIMENTO DE TODOS.
AMIGOS, TENHAM MUITO CUIDADO AO COMPRAR CARREGADOR DE CELULAR NAS BARRACAS DE CAMELÔS, VOCÊ COMPRA O CARREGADOR E PENSA QUE ESTA CARREGANDO A BATERIA DO APARELHO , MAIS NA VERDADE ESTA ENVIANDO SUAS INFORMAÇÕES, SEUS DADOS BANCÁRIOS,SUAS SENHAS DE CARTÕES DE CRÉDITO, TUDO QUE ESTA ARMAZENADO EM SEU APARELHO PARA UMA CENTRAL DE UMA QUADRILHA ESPECIALIZADA EM CLONAGEM DE CARTÕES. ACONSELHAMOS A COMPRAR CARREGADOR SOMENTE ORIGINAL. É MAIS CARO ? SIM É MAIS CARO, MAS SUA CONTA BANCÁRIA, SUAS TRANSAÇÕES FINANCEIRAS ESTÃO EM JOGO.. PENSE NISSO! ESSA É MAIS UMA DAS ESTRATEGIAS DOS MARGINAIS QUE AGEM EM TODO TERRITÓRIO NACIONAL.. FIQUEM ATENTOS.

Caramba, agora a casa caiu, hein. Não podemos nem comprar um carregador que alguém vai inserir um chip de celular no nosso telefone, roubar todos os nossos dados e dinheiro? É, não é bem assim. Para entender do que realmente se trata, resolvemos partir para a lógica.

O primeiro ponto é saber se alguém conseguiria hackear um telefone usando um mecanismo com chip de celular sem ter acesso ao mesmo. Por mais que procuramos, o máximo que conseguimos encontrar foram entrevistar falando da possibilidade de alguém hackear chips. Detalhe: o próprio texto aponta que ninguém ainda o fez.

Partindo desse pressuposto, o único jeito de alguém hackear um chip seria “roubando” o carregador novamente e recuperando o chip. Só com essas informações, poderíamos descartar qualquer hipótese daquele mecanismo ser para hackear um telefone.

Mas então, o que seria aquele chip no carregador. Pelo o que tudo aponta, trata-se de um mecanismo de rastreamento GPS. Ele seria colocado para rastrear onde estaria o carregador. Muito provavelmente, é utilizado em grandes cargas para evitar roubos.

Um detalhe: o tal GPS custaria muito mais caro do que o preço do carregador. Então fica a pergunta: porque um camelô introduziria um mecanismo que custa mais de dez vezes o valor do carregador pirata para usar em um cliente que, talvez, nem coloque dados bancários em seu telefone? Não haveria formas mais fáceis de roubar esses dados?

Sim, há. E aí, não precisa de chip em carregador. Uma das formas seria por meio de redes públicas de Wi-Fi. Outra seria com carregadores ligados a um computador central. Por fim, há a forma mais direta de roubar um dado de telefone: roubando o aparelho. Em todos os casos, os mecanismos são mais simples e menos arriscados do que na história do carregador com chip.

Resumindo: comprar carregadores de camelô tem sim seus riscos. Como o produto tem menos qualidade, pode estragar o telefone. Porém, os riscos passam longe de roubos de dados, contas bancárias e etc. Isso aí não passa de mais uma balela que circula por aí.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

9 comentários em “Carregador de celular com chip rouba dados de telefone, diz boato

  • 23/11/2016 em 02:18
    Permalink

    quando vc conecta um carregador comum, o espertofone só começa a carregar, se tiver alguma placa “logica” ele pergunta qual modo vc escolhe, MTP, usbdrive e outros… se vc compra um carregador na rua, conecta ele no seu espertofone, e ele pergunta algo… vc não acha estranho ? alem de uma coisa “pirata barata e fuleira” ser mais pesado que o carregador original ? se nada disso te alertar, vc merece ser hackeado até as fotos da sua vó pelada !!! ehehhehehehhehehe

    Resposta
  • 22/11/2016 em 19:55
    Permalink

    Com todo respeito aos “teóricos da conspiração”.
    Os celulares não transmitem dados via cabo sem uma permissão do usuário.
    É possível que isso possa vir a acontecer um dia? Sim!

    Mas as fabricantes não deixarão isso passar batido.
    Os acessórios para smartpnhones são um nicho de mercado muito rentável, as fabricantes vão usar isso a seu favor para vender mais acessórios.
    #Lógica de Mercado.

    Resposta
  • 22/11/2016 em 18:30
    Permalink

    Pergunto para que uma bateria interna se o carregador já fica plugado na tomada??Esse sistema é muito parecido com GPS.

    Resposta
  • 05/07/2015 em 18:30
    Permalink

    não postem os jeitos mais fáceis! vai que tem um bandido lendo isso aí e testa pra ver se é verdade? até postar tá perigoso! então vamos colaborar né?

    Resposta
  • 02/06/2015 em 16:59
    Permalink

    Pessoal o que o Carlos falou é verdade. Talvez o relato acima possa não ser verdadeiro. Mas há a possibilidade de montar o sistema de arquivos por comandos adb e suas fotos vazarem na internet.

    Resposta
  • 03/05/2015 em 03:03
    Permalink

    Cara, se não sabe o chip recebe dados de tráfego móvel, ele pode ser somente pra fazer a conexão dos arquivos roubados com o servidor do bandido, é possível sim, ainda mais com celulares com o modo desenvolvedor ativo, comandos no ADB podem muito bem ser feitos remotamente com um sistema conectado a internet, no caso pelo chip da VIVO, NÃO É UM MITO, PODE SER VERDADE SIM.

    Resposta
    • 21/11/2016 em 18:22
      Permalink

      Isso realmente é possível em celular android. Se o carregador se comportar comom um micro computador e tiver uma envio de dados via o CHIP, com certeza os dados seram enviados.

      Resposta
    • 15/12/2016 em 17:03
      Permalink

      Realmente, faz sentido! A questão do custo que teria para o bandido é facilmente resolvida se o bandido selecionar suas vítimas, pela aparência é fácil ter uma ideia de quem é mais antenado em tecnologia, ele pode perguntar se o carregador é para android ou iphone, pedir para ver o modelo do conector para ter noção do aparelho, toda essa “engenharia social” faria com que o tiro fosse bem mais certeiro (se ele achar que a vítima não é seu alvo, poderia vender um carregador comum) e por mais caro que este carregador seja, a acertividade do método compensaria, muito mais do que escolher vítimas aleatórias em wifi’s públicos. Quanto a conexão, não sei se o carregador conseguiria fazer o root num android por exemplo, mas se sim, poderia interceptar senhas quando estiverem sendo digitadas e pegar dados salvos. Também não sei se seria possível burlar a pergunta que o android faz (quando conecta o cabo usb em um PC) quanto a opção de “carregar” ou de “transmitir dados”, mas em último caso, por ter bateria interna, poderia ser um rastreador gps para localizar a vítima e também poderia funcionar facilmente como uma esculta na melhor das hipóteses.
      Enfim, pode ser só um boato por enquanto, mas que é uma ótima ideia para um golpe, sem dúvida!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)