Hoax: Camarão com vitamina C é mistura fatal por causa de arsênico

By | 04/04/2014
Camarão com vitamina C pode matar, diz boato

Camarão com vitamina C pode matar, diz boato

Boato – Uma mulher morreu após comer camarão e ingerir vitamina. Isso acontece porque a vitamina C libera o arsênico que contém no camarão.

Uma mensagem que circula na internet alerta: comer camarão e ingerir vitamina C pode levar a morte! A mistura causa envenenamento por arsênico e isso aconteceu a uma mulher, em Taiwan.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

De acordo com a história que circula na internet desde 2001 e pode ser lida aqui. A mulher morreu de hemorragia nos ouvidos, nariz, boca e olhos. A autópsia apontou envenenamento por ingestão de arsênico. Após isso, um médico teria apontado que ela se intoxicou após tomar doses de vitamina C (o que ela fazia diariamente) e comer camarão. Mas será que é verdade?

O problema é que essa história não passa de mais um boato da internet e são os vários os motivos que comprovam isso. Primeiro: o fato está muito mal contado, não diz quem é a tal mulher, em que cidade isso aconteceu, quem é o professor de medicina que solucionou o caso e ainda há a famosa frase que, geralmente, identifica um hoax “Encaminhe a tantos quanto puder”.

Além disso, o artigo “Investigação do Surto de Intoxicação por Arsênico” traz casos de envenenamento pro arsênico em Campinas-SP. Os sintomas incluem gosto metálico, queimação gastrite, dificuldades para deglutir, dor gástrica, vômitos, diarréia, entre vários outros, mas nada inclui sangramento dos olhos, ouvidos e boca, como relatado.

Em entrevista a Band, a nutricionista Claudia Matsunaga, diz que o arsênico pode estar presente nos alimentos, mas em pequenas quantidades que não são suficientes para envenenar uma pessoa. Segundo ela, é necessário mais do que 3,5 microgramas por dia para que a substância prejudique o corpo humano.

A mensagem ainda diz que o camarão contém alta concentração de 5-potássio-arsênico. Pode pesquisar em todo o lugar: o tal do 5-potássio-arsênico não existe! E o que os militares que transportam mudas de arroz têm a ver com o camarão? No texto, nada mais explica sobre esse “ataque” do arsênico aos militares. Em uma rápida pesquisa, nada, além dessa mensagem, faz menção a essa história. O tal do “mercapto jimei” também só existe no universo mal explicado dessa mensagem.

Por fim, a foto. No Facebook, o alerta vem acompanhado da foto de uma mulher sangrando pela boca e nariz, como se ela fosse a mulher de Taiwan que teve a hemorragia. Porém, a moça é Neda Agha-Soltan, que morreu no Irã, durante um protesto, com um tiro no coração.

Está mais do que claro que esse texto não passa de uma farsa. Até porque, se isso fosse verdade, comer camarão e tomar suco de laranja estaria totalmente fora de cogitação. Portanto, relaxe e aproveite pra comer um saboroso camarão frito com aquelas clássicas gotinhas de limão!

Leia na íntegra o texto que fala que camarão e vitamina C podem matar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *