Mandado de prisão preventiva de Lula foi expedido por Sérgio Moro #boato

Boato – Juiz Sérgio Moro expediu mandado de prisão preventiva para o ex-presidente Lula Inácio Lula da Silva.

Enquanto, nós do Boatos.org, acompanhamos os desdobramentos da condenação do ex-presidente Lula, aguardamos a chegada das balelas sobre o mundo político. Como você deve imaginar, não tivemos que esperar tanto. Afinal, em três dias já apareceram histórias sobre a carta de Marieta Severo, da Dra. Marise Valéria e do cantor Leonardo.

A “notícia” da vez dá conta de que o mandado de prisão preventiva de Lula foi expedido pelo juiz Sérgio Moro. O mandado, supostamente assinado pelo juiz, indica que foi decretada a prisão preventiva no dia 24/01/2018 e pede ainda que a Polícia Federal “preserve a imagem do acusado ao ser preso, evitando qualquer exposição pública”. Confira na imagem:

Mandado de prisão preventiva de Lula foi expedido por Sérgio Moro, diz boato
Mandado de prisão preventiva de Lula foi expedido por Sérgio Moro, diz boato

Mandado de prisão preventiva de Lula foi expedido por Sérgio Moro?

O “furo” bombástico deixou muita gente animada. Em uma das publicações, a internauta comemora: “é Luladrão, prisão decretada, a justiça sendo feita!!!!”. Em outra, o comentário diz “agora a festa está completa, Lula na cadeia!!!!”. Mas será mesmo que a prisão preventiva de Lula foi decretada? A resposta é não. Vamos aos fatos.

Para começar, se você acompanhou o julgamento da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, sabe que mesmo condenado em segunda instância, Lula não pode ser preso agora. Isso porque, segundo o entendimento do TRF-4, o ex-presidente só poderá ser preso depois de esgotados todos os recursos disponíveis à defesa na própria corte.

Outro detalhe também chamou nossa atenção: o documento possui dois erros grotescos. O primeiro está ligado a data de nascimento de Lula, que é dia 27 de outubro de 1945 e, não 27 de fevereiro de 1945, como indica o documento. Já o segundo está na assinatura de Moro.

Além disso, ao procurarmos informações sobre o mandado de prisão nos principais meios de comunicação, não encontramos nada. Se a notícia fosse real, não seria merecedora de, pelo menos, uma manchetezinha?

Por fim, mas não menos importante, a Justiça do Paraná, por meio de nota, desmentiu o caso. No comunicado, a Seção de Comunicação Social da Justiça Federal do Paraná informou que “o mandado de prisão em desfavor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que circula nas redes sociais e aplicativos de mensagem instantânea, não é verdadeiro”.

Pois bem, uma vez que a própria fonte confirmou ser tudo um grande boato. Encerraremos aqui, sem mais comentários.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 994325485.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)