Aloysio Nunes diz que Brasil vai agir contra EUA em caso de invasão da Venezuela #boato

Boato – O ministro das Relações Exteriores Aloysio Nunes diz que se o EUA atacar a Venezuela, o Brasil sairá em defesa da Venezuela.

Devastada por uma grave crise política e econômica que se arrasta há meses, a Venezuela tem enfrentado impasses, violência, protestos e até ameaça de intervenção estrangeira. E é nesse cenário de crise que as polêmicas na internet crescem e movimentam o mundo da boataria.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99432-5485 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Pois bem. A última da internet dá conta de que o ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, teria comunicado ao secretário de Estado norte-americano, Rex Tillerson, que se os Estados Unidos atacar a Venezuela, o Brasil sairá em defesa da Venezuela. Confira na íntegra:

Print da notícia falsa que aponta que Aloysio Nunes diz que Brasil vai agir contra EUA em caso de invasão da Venezuela
Print da notícia falsa que aponta que Aloysio Nunes diz que Brasil vai agir contra EUA em caso de invasão da Venezuela

Aloysio Nunes diz que Brasil vai agir contra EUA em caso de invasão da Venezuela?

Embora a informação siga sendo compartilhada nas redes sociais e em aplicativos de mensagens, ela não é real. E se você ainda não entendeu o porquê, a gente te explica.

Antes de mais nada, saiba que a história serviu de fonte de informação para o suposto áudio do senador Cristovam Buarque (PPS-DF), onde afirmava que o Brasil já está em intervenção militar e que Aloysio Nunes teria “desafiado” Rex Tillerson, que por sinal era boato. Só essa informação já indica uma coisa: a história cheira a balela.

O segundo ponto que desmascara a farsa está no fato de que, apesar do ministro se posicionar contra a invasão da Venezuela, ele não falou nada sobre lutar contra os EUA para defender Nicolás Maduro. Pelo contrário, em entrevista à imprensa, o chanceler afirmou que o “nosso caminho é o da diplomacia, da política e da negociação”.

A propósito, não é novidade para ninguém que o ministro não “morre de amores” por Maduro. Em maio, Aloysio publicou uma mensagem em sua conta no Facebook onde critica a proposta do presidente venezuelano de convocar uma Assembleia Constituinte em meio à crise no país.

Nem precisamos dizer que ao procurarmos informações nas fontes citadas – CNN em Espanhol e Exame On – não encontramos nada sobre o assunto. Para além disso, o texto segue o mesmo enredo de balelas online: sem datas e fontes confiáveis e erros de ortografia. Por sinal, até o nome do ministro está errado.

Por fim, mas não menos importante, a imagem foi registrada em junho, durante uma reunião com o secretário de Estado, em Washington. Como você deve imaginar, durante o debate, ninguém falou em “atacar os EUA”.

Como vocês puderam ver, a história de que Aloysio Nunes disse que o Brasil vai agir contra EUA em caso de invasão da Venezuela é falsa. Ou seja, tudo não passa de mais um desses boatos que circulam pela internet.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp pelo telefone (61) 994325485.  

2 comentários em “Aloysio Nunes diz que Brasil vai agir contra EUA em caso de invasão da Venezuela #boato

  • 29/09/2017 em 15:29
    Permalink

    Vamos agir contra uma democracia em defesa de uma ditadura comunista?
    Só comunista defende comunista e não somos comunistas.

    Resposta
  • 29/09/2017 em 15:14
    Permalink

    O Brasil deveria ter outra POSIÇÃO
    Não podemos permitir a morte de milhares de inocentes, que estão reféns desse regime Bolivarianista louco, que tem o senhor Maduro, e o Cartel de Drogras, no Comando da Venezuela, destruindo toda a sociedade. É preciso vencer e destruir a tirania imposta, e que hoje dizima toda uma Nação. Não há mais segurança, empregos, investimentos na Venezuela. Uma Nação refém do Narco Tráfico no Poder, que já contaminou as instituições públicas e privadas, e mantém toda a sociedade refém usando como prestesto a pseudo democracia armada e covarde, para se garantir no Poder com Poder. Infelizmente o Brasil foi COVARDE. E pior é ver essa atitude de um Chanceler. Que os Estados Unidos, entre e resolva essa questão. Tem situações que só com a FORÇA se resolve. A População, precisa ser salva e liberta desses tiranos-democratas-doentes-imbecis.

    MARCÍLIO NOVAES MAXXON
    Presidente do Sistema CONPETRO
    Petróleo & Gás
    mmaxxon.comunidades.net

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)