7 boatos sobre Jair Bolsonaro que viralizaram na internet

Reeleito como o deputado federal mais votado no Rio de Janeiro, o polêmico Jair Bolsonaro tem sido protagonista de muitos boatos na internet. Confira uma lista de sete histórias falsas que circularam sobre ele.

Jair Bolsonaro (PSC-RJ) é, atualmente, uma das figuras mais famosas no meio político. Reeleito como o deputado federal mais votado no Rio de Janeiro e conhecido por sua postura (considerada homofóbica e autoritária por muitos), Bolsonaro goza da admiração popular por não ter sua imagem ligada aos escândalos da Lava-Jato e por desafiar políticas conhecidas como “politicamente correta”.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:
Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99331-6821 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

Apesar de controverso, existem muitos boatos que seriam positivos sobre o deputado, mas são mentira. Diante de tantas balelas envolvendo Bolsonaro, o Boatos.org elegeu sete histórias falsas sobre o deputado. Leia:

1 – Político mais honesto do mundo

Em outubro de 2016, começou a circular na internet a informação de que Bolsonaro seria o político mais honesto do mundo. De acordo com a pesquisa, que teria sido realizada pela Fundação Transparência Política Internacional, o deputado ficou na frente de candidatos como Barack Obama, François Hollande, Maurício Macri e Theresa May.

A história foi compartilhada a torto e a direito por fãs de Bolsonaro (vulgo bolsomínions) exaltando a conduta do deputado. Mas o que em todos sabiam é que a ONG, que fez a pesquisa, não existe e que o site que divulgou a pesquisa é de notícias falsas. Ou seja, boato. Leia mais sobre o boato aqui.

2 – Trump menciona Bolsonaro em discurso

Depois da vitória de Donald Trump na corrida pela Presidência dos Estados Unidos, muitos fãs do deputado passaram a acreditar que a eleição presidencial de 2018 pode ter um ‘Trump brasileiro’. Em novembro de 2016, uma notícia compartilhada em blogs e sites de notícias na internet apontava que Trump teria citado o nome de Bolsonaro durante um discurso. Apesar da semelhança entre os candidatos, a história não passava de mais uma falcatrua da internet. Leia mais sobre o boato aqui.

3 – Bolsonaro citado na Lava-Jato

Outra história que deu pano para a manga e se espalhou rápido foi o suposto áudio em que há uma conversa entre o ex-senador Renato Machado (PT-SP) e Bolsonaro. No tal áudio, Renato fazia uma proposta de propina ao deputado que era recusada categoricamente.

É claro que a história foi apontada como exemplo para a conduta impecável do deputado. Apesar da quantidade de gente que saiu espalhando isso por ai, a história não procede, principalmente porque o ex-senador Renato Machado nem existe. Portanto, tudo se tratou de mais uma balela da internet, que você pode ler mais sobre aqui.

4 – Bolsonaro citado por Renan Calheiros

O avanço da popularidade, fruto de uma postura conservadora e combativa dentro do Congresso, fez com que Bolsonaro conquistasse o apoio da população. Mais do que isso, segundo a história que circulou na web, Bolsonaro apareceu nas conversas entre o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) e o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado. Na gravação, Renan defende o deputado e afirma que ele nunca pegou dinheiro das empresas.

Obvio que nada disso procedia e a história não passou de mais um boato para “consagrar” o mandato do deputado. Primeiro, porque as conversas entre Renan e Sérgio não faz nenhuma menção sobre Bolsonaro. Além disso, a página que compartilhou a notícia bombástica não é lá das mais confiáveis. Leia mais sobre o boato aqui.

5 – Projeto para separar sangue doado por gays

Outra história falsa sobre Bolsonaro dizia que ele teria apresentado um projeto de lei que permitiria as pessoas escolherem se aceitam ou não doações de sangue de homossexuais. Apesar da sua postura, o deputado não criou nem apresentou nenhum projeto de lei que abordasse a doação de sangue de homossexuais. Leia mais sobre o boato aqui. 

6 – Feliciano e Bolsonaro tramam o golpe

No ano passado, muito se falou do impeachment de Dilma Rousseff. No meio de toda a discussão sobre o ‘golpe’, muitos boatos circularam pela internet. Um deles dava conta que o áudio em que os deputados Marco Feliciano (PSC-SP) e Jair Bolsonaro (PSC-RJ) arquitetando o golpe contra Dilma para salvar Cunha vazou na internet.

O áudio apontava quais seriam os caminhos para derrubar a presidente e salvar Cunha. O único problema estava no fato de que o áudio era montado. Isso mesmo, essa conversa nunca existiu. Leia mais sobre o boato aqui. 

7 – Bolsonaro candidato a presidência pelo PP

Em 2014, começou a circular na internet a informação de que Jair Bolsonaro iria se candidatar a presidente pelo Partido Progressista (PP). O boato começou a circular às vésperas da definição dos candidatos para as eleições de 2014, quando o movimento “Bolsonaro presidente” ganhou força na internet.

Acontece que antes do deputado assumir que seria candidato à Presidência em 2018, já estava rolando na web o boato sobre sua candidatura ao cargo em 2014, o que era impossível, já que seu partido estava comprometido com o apoio para a reeleição de Dilma Rousseff.

Porém, o tempo passou e o deputado anunciou que será candidato à Presidência em 2018 ‘gostem ou não gostem’. Ao contrário do que dizia o texto, não será pelo PP, mas pelo Partido Social Cristão ou algum outro partido, já que ele sinalizou que vai deixar o PSC. Leia mais sobre o boato aqui. 

Um comentário em “7 boatos sobre Jair Bolsonaro que viralizaram na internet

  • 07/06/2017 em 13:16
    Permalink

    Excelente modo de evitar disseminação de notícias falsas.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)