Temer manda cancelar bilhões que iriam para Cuba #boato

By | 17/05/2016

Boato – Para investir na saúde do país, Michele Temer cancela bilhões reais que iriam pra Cuba.

O governo de Michel Temer mal começou e já coleciona polêmicas. O peemedebista deu fim ao Ministério da Cultura, das Mulheres, dos Direitos Humanos e da Igualdade Racial. Seu gabinete é formado somente por homens e nenhum negro. E três de seus ministros são investigados diretamente pela Operação Lava Jato.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Temer cancela bilhões que iriam para Cuba, diz boato

Temer cancela bilhões que iriam para Cuba, diz boato

Mas as polêmicas não param por aí… De acordo com um texto, que tem sido compartilhado na internet, o presidente interino, Michel Temer, cancelou bilhões que iriam pra Cuba e vai investir na saúde do Brasil. Leia o que diz o texto que circula online:

Acabou a farra, disse TEMER. A interrupção de envio do dinheiro para Cuba pode estar entre primeiras medidas que deverão ser anunciadas pelo vice-presidente Michel Temer, ao assumir inteiramente a presidência da República nos próximos dias. Implantado pelo governo Dilma há três anos, o programa Mais Médicos prevê o repasse de cerca de 60% dos rendimentos dos profissionais ao governo cubano. Com a revisão do programa pelo novo governo, os profissionais de saúde passarão a receber integralmente seus salários e poderão obter o visto de permanência no Brasil. O futuro governo deverá rever os contratos com os médicos cubanos, visando assegurar-lhes os direitos profissionais a remuneração adequada. Cerca de 50 espiões cubanos enviados ao Brasil para “fiscalizar” os profissionais deverão ser extraditados. Dados disponíveis no site do Fundo Nacional de Saúde revelam que o governo brasileiro já repassou bilhões de reais ao governo cubano ao longo dos últimos três anos. As transferências são realizadas em nome da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), e envolve uma operação considerada ilegal, já que há um contrato entre o governo brasileiro e a entidade que omite a relação com o governo dos Irmãos Castro. Há pouco mais de um ano, o Jornal da Band denunciou uma trama entre o Ministério da Saúde e a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) para acobertar a intenção de favorecer a ditadura cubana por meio do Programa Mais Médicos. Acompanhe a denúncia no vídeo abaixo: O repasse da maior parte dos salários dos médicos cubanos ao governo daquele país contraria definição do Tribunal de Contas da União. A corte fez um estudo detalhado dos documentos relativos ao acordo concluiu que o tratamento diferenciado entre os médicos brasileiros e os que profissionais que vieram por meio do intercâmbio e constatou que as cláusulas afrontam o artigo 5° da Constituição Federal, segundo o qual todos são igual perante a lei. A informação é do site Imprensa Viva via Agência de Notícias.

Temer cancela bilhões que iriam para Cuba?

Para aqueles “desesperados” por mudanças e pelo fim da corrupção no Brasil, o presidente interino seria a salvação. Mas, parece que a tal “salvação” está um pouco mais longe do que imaginávamos. Isso porque os bilhões, que seriam investidos na saúde, não existem. Vamos entender os porquês.

Se você acompanha o Boatos.org, sabe que o Pensa Brasil, site onde foi publicada a matéria, é bem conhecido por aqui. Lembra aquela história Exército Brasileiro estar nas ruas para a guerra civil. Saiu lá. Sabe aquela outra da mala de dinheiro no carro de Waldir Maranhão? Também saiu lá. Ou seja, a fonte não é lá das mais confiáveis.

Sobre esta história especificamente. Achamos algo muito estranho. Ela está publicada desde o dia 19 de abril. Detalhe: Temer nem era presidente na época.

Se você ainda duvida e acha que ele pode fazer algo, olha isso. Michel Temer ainda não tomou nenhuma resolução sobre o Programa Mais Médicos. No Diário Oficial da União não existe nenhuma resolução ou decreto com o fim do programa. O máximo que aconteceu foi uma declaração do Ministério da Saúde. O ministro, Ricardo Barros (PP) afirmou que irá incentivar os brasileiros a participarem, mas que não haverá mudanças no programa.

Para não restar dúvida sobre os planos do peemedebista para a saúde. Ainda está tudo muito indefinido, mas entre as sugestões de Temer está é acabar com as vinculações constitucionais para gastos obrigatórios no setor. Pode ser até que aumente, mas porque então sugerir cortar o mínimo obrigatório de gastos?

Sendo assim, podemos afirmar que a história de que Temer cancelou bilhões que iriam pra Cuba e vai investir na saúde do Brasil é #boato. Pode até ser que ele diminua o número de médicos cubanos no Brasil, mas acabar com médicos cubanos no país é, hoje, improvável.

10 thoughts on “Temer manda cancelar bilhões que iriam para Cuba #boato

  1. Edgar

    A começar por esse site comunista, suas materias tbm so promovem ” desmentir” e atacar o governo. Nao vi nada aqui de util so ataques. Nao me admiraria se encontrasse um dedo do lula, talvez aquele que falta nele aqui. Me poupe site comunista, so quer ver a desordem e atraso do país. Seus herois sao Dilma e Lula sanguessugas e parasitas que deixaram o país nesse buraco.#sitelixo

    Reply
  2. Zuni navarro

    Cuba no necesita ayuda monetaria de ningún país! Tiene la industria turística más grande del mundo! Y su gente es muy culta y preparada . Temer es un gran , corrupto como Dilma

    Reply
    1. Rennan

      Mais grande do mundo? UAHEUHUEHUAHEUHAUEHUAHEUHAUEH
      AUEHUAHEUHAUEHUAHEHAUHE
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      hehheheheheheheehhe
      Minha barriga dói cara! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Reply
  3. Dionisio

    Pensa Brasil, Brasil Verde e Amarelo, Revoltados Online, Peloamorde deus.com, so publica boato. Se fossemos seguir o que eles dizem ja teraim passado por duas guerras civis, invasoes de cubanos e venezuelanos, O Foro de sao paulo ja teria dominado o Brasil, a Dilma ja tinha colocado o exercito na rua…

    Reply
  4. homero

    Aí eu pergunto pra que ministerio da igualde racial,se a população brasileira é predominantemente mestiça,e por que não unir ministério da educação com a cultura,se uma não “vive”sem a outra,e pra que secretaria de políticas para mulhres,sendo que a política parte do princípio da igualdade.

    Reply
  5. Antonio Valmir Rodrigues

    Também concordo muitas informações são passadas não tem veracidade. Acho que temos que buscar em fonte confiável a informação correta.

    Reply
  6. nadja

    DEVERIA EXISTIR UMA LEGISLAÇÃO PUNITIVA PARA OS RESPONSÁVEIS PELIS BOATOS POLÍTICIS EXISTENTES NA INTERNET.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *