Presidentes militares do Brasil morreram pobres, diz boato

By | 24/02/2015
Presidentes militares morreram pobres, diz boato

Presidentes militares morreram pobres, diz boato

Boato – Castelo Branco, Costa e Silva, Emílio Garrastazu Médici, Ernesto Geisel e João Figueiredo morreram pobres por são honestos.

Apontados como uma minoria absoluta, os defensores da volta dos militares ao poder no Brasil ganha força na internet. Não são poucas as páginas em redes sociais e sites que defende a volta da ditadura.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:
Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99331-6821 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

Há algum tempo, alguns desses sites simpáticos ao regime militar têm publicado a informação de que os presidentes do período morreram pobres. O texto, que circula por redes sociais e sites, é uma forma de dar uma cutucada na corrução no Brasil. Leia trechos:

“TODOS OS PRESIDENTES MILITARES BRASILEIROS MORRERAM POBRES PORQUE FORAM E SÃO HONESTOS”

Verdade mais convincente não existe, a de que “TODOS OS PRESIDENTES MILITARES BRASILEIROS MORRERAM POBRES PORQUE FORAM E SÃO HONESTOS”. A Comissão da Verdade criada no Brasil, há pouco tempo, para esclarecer fatos de terrorismo e outros crimes ocorridos durante o período militar, deveria trazer na primeira página do seu documento o seguinte título: “Todos os Presidentes Militares Brasileiros morreram pobres porque foram e são honestos”.

Por causa da probidade administrativa dos Presidentes da República, entre 1964 e 1985, aconteceram vários ataques contra as guarnições militares e contra os quartéis praticados por bandidos possuídos pelo espírito de terrorismo, cujos bandidos oriundos de ensinamentos de guerrilha apoiados por países comunistas com o Cuba do ditador Fidel Castro.

Os Militares nunca quiseram e nunca querem o poder central do Brasil. O que aconteceu em 1963 até 31 de março de 1964, foi um abandono total da administração, o que gerou uma total baderna nacional, e o país, em situação INGOVERNAVEL por causa da baderna, perigava nas mãos dos antipatriotas numa iminente instalação da DITADURA COMUNISTA que seria imposta aos brasileiros sob orientação e apoio de cuba que sofria e sofre nas mão de ditadores da Família Castro.

AOS HEROIS MILITARES BRASILEIROS, PARABÉNS OEFERECIDOS PELAS PESSOAS HONESTAS QUE HABITAM EM VÁRIAS PARTES DO MUNDO, E QUE SÃO CONTRA A DITADURA COMUNISTA E CONTRA O NAZISMO E CONTRA A DITADURA SOCIALISTA E POR UMA DEMOCRACIA SADIA.

Parabéns aos Militares Brasileiros

Independente dos escândalos de corrupção ou da fortuna de presidentes e ex-presidentes (o que também gera alguns boatos como o de Lula ser o 7º homem mais rico do Brasil), a informação de que os presidentes do regime militar morreram pobres é falsa.

Castelo Branco, Costa e Silva, Emílio Garrastazu Médici, Ernesto Geisel e João Figueiredo foram os presidentes do regime militar. Todos já morreram, mas nenhum pobre.

O primeiro ponto é que todos eram oficiais de alta patente. Já ganhavam salários altos e, quando saíram do poder, continuaram ganhando. A coluna de Juremir Machado no jornal Correio do Povo aponta para este fato. 

Castelo Branco morreu em um acidente de avião logo após deixar o poder. Costa e Silva morreu enquanto era influente, em 1969. Vale lembrar que a morte dos dois foram sob condições suspeitas.

Médici era de família rica no Rio Grande do Sul e morreu como general aposentado. Ernesto Geisel morou até a sua morte, em 1997, em um apartamento no bairro do Leblon, área nobre do Rio de Janeiro. João Figueiredo morreu em 1999 e também tinha apartamento.  Sendo assim, podemos afirmar que nenhum presidente do regime militar morreu pobre.

PS: esse artigo foi uma sugestão da leitor Ângelo Cláudio. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site ou pelo Facebook. 

18 thoughts on “Presidentes militares do Brasil morreram pobres, diz boato

  1. Geraldo

    Até ia deixar um comentário, mas em face a tanta asneira do texto, nem vale a pena, já vi que o cara é cego mesmo.

    Reply
  2. Juliano Nissola

    entenda-se “pobre” como aquele que não é multimilionário ou bilionário. Aliás, editorialzinho safado esse, não?

    Reply
  3. Luiz vieirs

    Se eu pudesse voltar no tempo eu voltaria . Militarismo já precisamos de ordem e segurança

    Reply
  4. Carlos

    Achei interessante a reportagem. Eles não morreram pobres pois tinham alta patente. Como Oficiais Generais eles tinham um bom soldo. Tinham até patrimônio, como citado na reportagem, Geisel tinha UM apartamento no Leblon e Figueiredo tinha também 1 apartamento. Queria parabenizar esse profundo editorial e a capacidade de entendimento literal da expressão “pobre”. Vocês são sensacionais. Só mais um detalhe, no idioma português existiam as funções da linguagem, e inclusive uma delas era a referencial, não sei se mudou o nosso idioma, depois das palavras hospedas, presidenta, entre outras. Mesmo assim, vamos entender as funções da linguagem, fica a dica…

    Reply
  5. ILTO ANJOS

    Acho que a frase “morreram pobre” é apenas uma força de expressão. E esse texto deixa claro que todos tinham uma boa aposentadoria ou era de família rica. Então merecedores do patrimônio que tinham! Agora se formos comparar com os políticos de hoje que saqueiam os cofres públicos e ostentam com mansões, carros de luxo, Triplex, lanchas, jóias, viagens, festas…aí sim! Podemos considerar que eles morreram pobres.

    Reply
  6. Éder de Andrade Dutra

    Morreram com o patrimônio mínimo, digno de uma vida de trabalho. Não como multimilionário como a canalha de hoje. Tinha oito anos de idade, no ano de 1970, havia segurança, respeito e progresso…hoje, um homem é julgado por seu CPF, não se pode caminhar pelas ruas. Apenas quem temia os militares eram os vagabundos, alguns foram embora do Brasil e, qdo voltaram provaram q os militares estavam certos. Se eram algumas centenas de Generais, supostamente roubando; hoje, posso afirmar com certeza, são milhares de políticos, empreiteiras, assessores, ONGs roubando o dinheiro público, e com certeza, vão repassar isso para o povo já sofrido.

    Reply
  7. JOSE MORAIS

    E AS LEIS QUE PRIOTEGERAM E PROTEGEM A ESFERA MILITAR TANTO JURIDICA QUANTO ECONOMICA,COM APOSENTADORIAS EVANTAGENS ADMINISTRATIVAS PARA ATE OS HERDEIROS ,COMO FICA,TA CERTO OU E DIREITO?

    Reply
    1. CARLOS HENRIQUE

      QUAL A VANTAGEM? OS MILITARES TEM SALÁRIOS INFERIORES A CATEGORIAS EQUIVALENTES DO EXECUTIVO (ACHO QUE VC NÃO SABIA). NEM VOU COMPARAR COM O LEGISLATIVO E O JUDICIÁRIO? PERGUNTO QUAL A VANTAGEM DE GANHAR MENOS?
      PERGUNTO QUAL A VANTAGEM EM TRABALHAR SOB REGIME DE DISPONIBILIDADE PERMANENTE? VOCÊ SABE A DIFERENÇA ENTRE DISPONIBILIDADE PERMANENTE E DEDICAÇÃO EXCLUSIVA. O MEU SONHO ERA TRABALHAR NO MÁXIMO 44 HORAS SEMANAIS, GANHAR HORA EXTRA, ADICIONAL DE PERICULOSIDADE POR USAR ARMA DE FOGO, COMPENSAÇÃO ORGÂNICA POR PARTICIPAR DE ATIVIDADES SOB SOL E CHUVA.
      QUAL A VANTAGEM DE ENTRAR EM PRESÍDIOS PARA FAZER REVISTA EM CELAS.
      ENQUANTO VOCÊS NÃO LEVANTAM A BUNDA PARA PARTICIPAR DO DIA DE COMBATE A DENGUE, AS FORÇAS ARMADAS TRABALHAM MESES NAS AÇÕES DE PORTA EM PORTA PELO BRASIL AFORA.
      QUAL A VANTAGEM DE COBRIR A SEGURANÇA PÚBLICA ENQUANTO A POLÍCIA (CIVIL, MILITAR E FEDERAL) FAZ GREVE???????????? QUAL A VANTAGEM DE NÃO PODER FIXAR RESIDÊNCIA NUM LUGAR EM QUE SUA FAMÍLIA ESTÁ BEM INTEGRADA NA COMUNIDADE LOCAL???? VOCÊ SABE O QUE O REQUISITO DA VIVÊNCIA NACIONAL. VC SABE O QUE É SUA RENDA FAMILIAR CAIR PELA METADE QUANDO SUA ESPOSA PEDE DEMISSÃO PARA ACOMPANHAR O CÔNJUGE MILITAR EM OUTRA CIDADE, ESTADO OU REGIÃO DESSE IMENSO PAIS. VOCÊ SABE O QUE É UMA FAMÍLIA DE NORDESTINO SE ADAPTAR A VIVER NO RIO GRANDE DO SUL???????? VOCÊ SABE O QUE UMA FAMÍLIA DE CATARINENSES SE ADAPTAR A VIVER EM RONDÔNIA. VOCÊ SABE O QUE É TER UM FILHO DE 15 ANOS QUE “PERDE” TODOS OS SEUS AMIGOS DA ESCOLA E VAI PARA UM LUGAR EM QUE O ENSINO É MUITO PRECÁRIO, COMO NOS RINCÕES PÁTRIOS TIPO CRUZEIRO DO SUL E SÃO GABRIEL DA CACHOEIRA.
      VOCÊ NÃO SABE O QUE É VANTAGEM PARA OS HERDEIROS, VC NÃO CONHECE A TRAJETÓRIA METEÓRICA DO LULINHA, VOCÊ NÃO SABE O QUE É SER HERDEIRO DE UMA OLIGARQUIA QUE ESTÁ NO PODER HÁ MAIS DE 30 ANOS GRAÇAS AO SEU VOTO E DE MUITOS MILHÕES DE OTÁRIOS INCAPAZES DE TER UMA OPINIÃO PÚBLICA, NO MÁXIMO OPINIÃO POPULAR.
      NÃO VENHA VOCÊ FALAR ASNEIRA. BASTA DE SUAS IDIOTICES E DE SUA MÁXIMA MEDIOCRIDADE, VOCÊ NÃO PASSA DISSO MESMO.
      NÃO FALEI NEM A METADE DOS ARGUMENTOS PARA DESTRUIR SUA FALÁCIA. SE NÃO SABE, ESTUDE ANTES DE FALAR ABOBRINHA. SE TEM INVEJA, ESTUDE TAMBÉM QUE VC PASSA.

      Reply
  8. Felipe Becker

    Meu amigo, salario e o custo de seu suor, sabe porque morreram pobres? pois, mesmo generais e de salario alto (sempre inferior a um presidente), ele não apanharam nenhum dinheiro ilegal, isso é, não houve corrupção, porem, mesmo assim, em 1980, quando a esquerda começou a ficar influente na politica e menos nos terrorismos, acusaram os presidentes de corrupção, mas, nunca foi provado, alias, sabe onde você achará relatos de corrupção no Regime Militar? nos livros do jornalista ´´comunista“ Elio Gaspari, que desde o meado fim do regime militar, defende o PT e seus acusados, alias, em um dos seus livros, Gaspari, ele diz que Stalin nunca foi comunista e sim, matador de comunista, ???, Stalin foi o principal governante comunista.kkkk

    Reply
  9. silvio selva

    o sítio do General Figueiredo em Petrópolis vale milhões e aliás, este sítio rendeu enormes brigas entre a família dele. O General que dizia que gostava mais de cheiro de cavalo do que de povo, saiu do governo com uma inflação de 80 por cento ao mês. Vivi naquela época e lembro a miséria em que o país vivia…

    Reply
    1. Felipe Becker

      o senhor deve ser uma das vitimas de ´´torturas“, crueldades e etc. kkk. ou melhor, queria fazer um furto, ou roubo, um latrocínio pra compra a sua pinguinha de cada dia. kkkkkkk, por isso foi um pais pobre para o senhor, não podia desfrutar dos trabalhadores, como ocorre atualmente. kkk

      Reply
    2. Nilton

      Você é um vagabundo que com certeza era ou ainda é vagabundo que foi reprimido no regime militar, por isso toda essa diarreia mental raivosa que vc despejou aqui contra os honestos e respeitados presidentes do inesquecível respeitável e honrado regime militar de 1964/1985….salve 31 de março de 1964, salve nossos heróis militares dessa época gloriosa de paz, ondem, progresso, saúde, educação, segurança pública e justiça social.

      Reply
    3. Nilton

      E outra, ainda por cima é mentiroso onde vomitou toda sua raiva caluniando com mentiras o ex presidente Figueiredo, onde esse antes de morrer necessitou até de ajuda financeira de amigos.

      Reply
  10. mauri

    verdade, os militares não morreram pobres……mas rico em sua s benfeitorias que fizeram pelo BRASIL e não esta pouca vergonha que estamos vendo hoje, que tudo nao passa de njogos de interesse, controlado por alguns que esytão no poder

    Reply
  11. Di Assis

    Comparando aos últimos “presidentes” pós diretas (sarney, collor, fhc, lula, dilma), realmente morreram pobres.

    Reply
    1. Victor Barboza

      Exatamente isso. Existe uma grande diferença em morrer ganhando 20, 30 mil/mes sendo um oficial de alta patente que demorou uma vida inteira a chegar la e um metalurgico sem instruçao que enriqueceu e MUITO a si proprio e seus familiares durante seu governo. A renda da friboi por exemplo, é de looonge maior que 20, 30 mil reais … 20, 30 mil reais por mes, é esmola perante aos ganhos desses corruptos.

      Reply
  12. julião Kroeber

    Informação de que todas as locadoras de vídeo em Recife-Pe fecharam. FALSA: a CLASSIC VÍDEO, no bairro da Torre continua funcionando com seu acervo diferenciado de 10.000 filmes e lançando os sucessos em vídeo.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *