Presidente nacional da OAB faz discurso sobre safadeza #boato

By | 02/03/2016

Boato – Novo presidente nacional da OAB faz um discurso com uma “ótima definição de safadeza”.

Uma das entidades com maior voz no país é a Ordem dos Advogados do Brasil. Muitas campanhas levantadas pela entidade acabam emplacando na mídia. Imagine então quando a campanha é contra a “safadeza dos políticos”. Circula, por WhatsApp e Facebook, um texto que seria do presidente nacional da entidade em que ele faz uma “definição de safadeza”. Atacando privilégios de congressistas e ministros, o “discurso” fez sucesso online. Leia:

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Presidente da OAB faz discurso sobre safadeza, diz boato

Presidente da OAB faz discurso sobre safadeza, diz boato

Ótima definição de Safadeza! Leiam!!! Trecho do Discurso do Presidente Nacional da OAB. VOCÊ SABE O QUE É SAFADEZA??? O título até pode ser deselegante, mas que é muito verdadeiro…

1.SAFADEZA é comparar a pensão de um Deputado com a de uma Viúva.

2.SAFADEZA é um Cidadão ter que contribuir ao longo de 35 anos para ter direito a receber pensão, enquanto Deputados necessitam somente 1 ou 2 mandatos, conforme o caso, e alguns membros do Governo, para terem o direito de cobrar Pensão Máxima precisam unicamente do Juramento de Posse.

3.SAFADEZA é que os Deputados sejam os únicos Trabalhadores (???) deste País que têm isenção de IR sobre 1/3 de seu salário.

4.SAFADEZA é por, na Administração pública, milhares de Assessores (leia-se Amigalhaços) com Salários almejados pelos Mais Qualificados Técnicos.

5.SAFADEZA é a enorme quantidade de Dinheiro destinado a apoiar os Partidos, situação aprovada pelos mesmos Políticos que vivem deles.

6.SAFADEZA é que a um Político não se exija a mínima comprovação de Capacidade para exercer o Cargo (e nem estamos a nos referir à capacidade Intelectual ou Cultural).

7.SAFADEZA é o valor gasto por essa tropa de safados com alimentação, veículos Oficiais, Motoristas, Viagens (sempre em 1ª Classe), Cartões de Crédito e etc.

8.SAFADEZA é essa mesma corja ter direito a quase 5 meses de Férias ao Ano (48 dias no Natal, uns 17 na Semana Santa, (mesmo que muitos se declarem não religiosos), e uns 82 dias no Verão).

9.SAFADEZA é essa corja, quando acaba um mandato, manter 80% do Salário por mais 18 meses.

10.SAFADEZA é ex-Ministro, ex-Secretário de Estado e outros de Altos Cargos da Política serem os únicos cidadãos deste País que podem legalmente acumular dois recebimentos do Erário Público.

11.SAFADEZA é se permitir que usem os Meios de Comunicação Social para mentir à Sociedade sobre seus feitos e seguirem assaltando os Bolsos dos Contribuintes.

Esta deveria ser uma dessas correntes que nunca poderia se romper!!! NUNCA, porque só nós podemos acabar com TUDO ISSO. UMA GRANDE SAFADEZA SERÁ NÃO REENVIAR ESSA MATÉRIA A TODOS OS MEMBROS DA SUA LISTA, ESPECIALMENTE ÀQUELES EVENTUAIS AMIGOS POLÍTICOS, VEZ QUE ELES SÃO OS PRINCIPAIS RESPONSÁVEIS POR TODA ESSA GRANDE SAFADEZA!!! Se você não repassar é porque apóia essa SAFADEZA.

O discurso tem um tom um tanto quanto raivoso e, também por isso, conquistou o gosto popular. Mas será mesmo que o presidente da OAB disse isso? Como você deve imaginar, a resposta é não. Para descobrir se é verdade ou não, fizemos o elementar. Entramos em contato com a assessoria de imprensa da OAB. Leia:

Pergunta: Meu nome é Edgard Matsuki. Sou editor do site Boatos.org, que desmente informações falsas que circulam na internet. Desde o último fim de semana circula no Facebook um texto que seria do presidente nacional da OAB. O texto se tornou um viral. Gostaria de saber se o trecho fez parte do discurso realmente. Desde já agradeço.

Resposta (no dia seguinte): Oi, Edgard. Esse texto atribuído ao presidente Claudio Lamachia não foi escrito nem lido por ele em nenhum evento. Trata-se de um boato.

Já matamos esta, certo? Mas para completar o próprio Claudio Lamachia desmentiu, via Facebook, esta história. Leia:

Amigas e amigos. Um falso discurso creditado a mim tem circulado pelas redes sociais, especialmente no Whatsapp. Não acreditem nessas correntes. Para saber o que penso e falo o ideal é acompanhar o site do Conselho federal da OAB ou meus perfis em redes sociais. Se não estiver lá, não tenham dúvidas, é falso. Obrigado a todos pela atenção. Meus discursos, proferidos na solenidade de posse administrativa e festiva estão publicados, na íntegra, na página do Conselho Federal da OAB. Claudio Lamachia

Sendo assim, não há nada mais a dizer. O discurso do Presidente da OAB sobre safadeza, deputados e etc é falso. Antes de terminar, só um detalhe. O desmentido no perfil do presidente da OAB teve 1 compartilhamento. Não preciso nem dizer que o boato teve muito mais.

14 thoughts on “Presidente nacional da OAB faz discurso sobre safadeza #boato

  1. Luiz Barbosa

    Estamos num momento oportuno para eliminar essas safadezas, se forem verdadeiras. O governo Temer está prometendo uma reforma da previdência que iguale por baixo os direitos dos servidores e iniciativa privada. Deveriam igualar também os dos políticos. Vamos ficar de olho!

    Reply
  2. Joelma de Oliveira

    …entendo, no contexto criminoso contra a parenta renegada dos integrantes da Cúpula Federal dos Três Poderes do País ,que Safado é todo o país,visto haver envolvimento de toda sociedade brasileira ,manipulada por eles e pela imprensa brasileira ,em seus crimes e covardias contra nós(Joelma e seu filho) ,por minha existência , pela história do meu nascimento-infundada e ilegal e por minha herança.Safado ,seria todo o País !

    Reply
  3. Wanderley Marques

    Penso que se tivéssemos um presidente da OAB que escrevesse um discurso desse, estaríamos em outro patamar social
    O presidente nacional da OAB deveria é se lamentar em não ter escrito o texto

    Reply
  4. Glauco

    Não tenho dúvida que é boato, como também não tenho dúvida que a maioria da população, quase que a totalidade, apoia o que está escrito. De minha parte, concordo que o político deve se enquadrar como TRABALHADOR, bem como todo os funcionários públicos. Seus benefícios não fizeram mais sentido a partir do momento em que suas remunerações, antes baixas, se tornaram altas.

    Reply
  5. Claiton

    Mesmo que o autor não seja o presidente da OAB. O que já me pareceu ao ler devido ao estilo grotesco, vale a informação. Apesar de haver dúvida de como foi feito aquele cálculo das férias parlamentares.
    E o boato de que o filho do Lula é dono da Fri Boi é verdadeiro ou falso?

    Reply
  6. Solange Rangel de souza

    Também recebi, mas por não ter acreditado na sua origem , procurei verificar se era boato antes de repassar. Concordo com o conteúdo mas sou contra atribuir sua autoria falsamente a quem quer que seja. Alguém escreveu o texto. Porque não se revela?

    A

    Reply
    1. Eduardo Fermino Ferreira

      concordo plenamente com vc Solange o que se contesta não é se o texto é verdade ou não e sim a autoria, usar o nome de uma pessoa importante ou não para se promover mesmo que anonimo é lamentavel…que o pai da criança se revele e não atribua a a um pai adotivo a responsabilidade rss

      Reply
  7. Carlos

    O pior é que os safados nunca experimentam a carapuça!…

    Reply
  8. Alves Elias

    Infelizmente está notícia segundo o site não é verdadeira, mas fica aqui, meu pensamento, sobre a safadeza, que se expandiu, em todas as esferas do governo, eu concordo plenamente, com o que foi postado, e gostaria, que a OAB, também, apoiasse, estas frases verdadeiras

    Reply
  9. Marcos

    Pode ser falso a origem do discurso, mas o conteúdo é verdadeiro e é realmente uma grande safadeza.

    Reply
  10. Leia

    Que pena que o predidente da OAB não fez esse grande e verdadeiro discurso.
    Bem que estranhei…seria esperar demais da OAB, que ja perdeu a credibiliidade da maioria dos brasileiros.

    Reply
  11. Cynthia

    Bom dia.
    Ficou esclarecido que o texto não foi discursado pelo presidente nacional da OAB. Ok.
    Mas o conteúdo desse texto é verdadeiro ou boato?

    Reply
  12. Elizabeth Coutinho

    Obrigada, seu trabalho é muito importante para dar um pouco de credibilidade ao que tem credibilidade na internet, e ajudar, àqueles que desejam realmente notícias verdadeiras, a discernir entre o falso e o verdadeiro. Obrigada. Elizabeth Coutinho

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *