Pai de Sérgio Moro foi fundador do PSDB em Maringá (PR) #boato

By | 08/03/2016

Boato – Dalton Áureo Moro, pai do juiz Sérgio Moro, foi fundador do PSDB na cidade de Maringá (Paraná). 

Depois que o ex-presidente Lula prestou um depoimento para a Operação Lava-Jato, o nome mais citado em boatos na internet mudou. O título, que já foi do próprio Lula, de Dilma, de Jean Wyllys e outros, foi para o juiz Sérgio Moro. Só nos últimos dias, a informação de que ele era filiado ao PSDB, que a esposa era advogada do partido e que sofreu críticas de artistas circulou na internet.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Pai de juiz Sérgio Moro fundou o PSDB

Pai de juiz Sérgio Moro fundou o PSDB

Além destas informações, há uma história que aponta que o pai dele (Dalton Áureo Moro) havia sido um dos fundadores do PSDB do Paraná. Tudo começou com uma matéria do site Diário do Centro do Mundo (favorável ao governo) que “vasculhava” a vida pregressa de Moro. Leia:

O pai do juiz se dizia apolítico. Ele viveu os melhores anos de sua carreira durante a ditadura, período em que os amigos o descreveram como “conformado”, “protegido” e “satisfeito”. Foi vice-diretor e tesoureiro do Colégio Gastão Vidigal.

Na abertura política, Dalton participou da fundação do PSDB, ajudando a eleger ex-arenistas. Impossível saber se ele fez a cabeça do filho, então com 16 anos – só Sérgio Moro sabe quais foram os conselhos que recebeu do pai.

O professor Basílio Baccarin enveredou pela política e registrou a única participação conhecida de Dalton em um partido. Baccarin ligou-se a Mário Covas (1930-2001) e participou da fundação do PSDB em Maringá, elegendo-se vereador (1990): “Moro me apoiou, como amigo. Esteve sempre comigo durante minha campanha e só me dizia que eu deveria ser menos radical”.

A partir da matéria sobre Moro, outros sites resolveram dar “mais destaque” à informação. Um deles é o Sul 21. Leia:

PAI DE SÉRGIO MORO FOI FUNDADOR DO PSDB DE MARINGÁ PARANÁ

Pai de Sérgio Moro foi um dos fundadores do PSDB em Maringá Paraná e egresso dos quadros da ARENA, partido político que apoiava a Ditadura

Andou de busão pela primeira vez ao começar a frequentar a faculdade, aos 18 anos. Religioso ao extremo, mãe carola. Idolatrava o pai, falecido em 2005, um professor muito respeitado, homem conservador, apoiador da ditadura, fundador e militante do PSDB de Maringá, que foi formado majoritariamente por quadros egressos da ARENA. O próprio Moro recentemente prestigiou um evento promovido pelo PSDB em companhia de João Dória. Sua esposa trabalhou como assessora jurídica do gabinete do governador José Richa (PSDB do Paraná).

Tentamos achar evidências que atestem ou derrubem a história de que o pai de Sérgio Moro seja um dos fundadores do PSDB do Paraná. Tentamos dois caminhos: conversar com o PSDB do Paraná e com o Diário do Centro do Mundo. Leia as mensagens:

Ao PSDB (PR)

Caros. Tudo bem? Sou Edgard Matsuki, editor do site Boatos.org. Gostaria de saber se vocês podem confirmar a informação de que Dalton Áureo Moro, pai do juiz Sérgio Moro, participou da fundação do diretório de Maringá do partido. Há algum registro que comprove ou derrube esta informação? Vocês têm a lista (em regimento interno) de quem fundou o PSDB em Maringá? Desde já agradeço.

Atualizado: o PSDB-PR respondeu o seguinte:

Estamos levantando essas informações, Edgard. Segundo membros do partido, ele nunca participou direta ou indiretamente do PSDB. Consta que apenas ajudou um amigo candidato a vereador. Mas aguarde, temos que confirmar ainda.

A minha “tréplica”:

Muito obrigado. Estou em busca da informação verdadeira pq há muitas pessoas querendo saber a verdade. Fico no aguardo. Se tiver alguma ata ou algo do tipo, agradeço

Ao DCM

Caros, tudo bem? Circula na internet uma informação deste site que aponta que o pai do juiz Sérgio Moro foi fundador do PSDB em Maringá. Como eles citam vocês como fonte, gostaria de confirmar se a informação é real e se vocês têm alguma prova material da fundação (algum regimento ou mesmo depoimento). A pedido de leitores, estou investigando se a informação é verdadeira ou falsa. Um abraço.

Atualizado: o DCM confirmou que a publicação era a reportagem citada acima, porém não deu detalhes de provas materiais.

Pedimos ajuda aos nossos leitores para tentar desvendar se a história é verdadeira ou falsa por meio do Você Desvenda. Fizemos as seguintes perguntas.

– O pai de Sérgio Moro foi fundador do PSDB, como diz a matéria do Plantão Brasil, ou apoiou “como amigo” a eleição de Baccarin?

Primeiramente, nem o DCM acaba citando que Moro é fundador e sim que Baccarin seria. O leitor Tonho Espechdt nos enviou um artigo do maringaense Ângelo Rigon em que fundadores do PSDB apontam que o pai de Sérgio Moro apenas apoiou o amigo quando foi candidato. Leia:

Confirma o empresário Pedro Vier, que estava na fundação do partido e foi vice de Georges Khoury (falecido em 2007, aos 71 anos) e presidente do partido em 1992, que Dalton era apolítico.
Acrescenta que Dalton não foi um dos fundadores, mas quando o professor Basílio Bacarin, 80, saiu candidato a deputado estadual pelo PSDB, na eleição de 1990, ele se engajou na campanha, pois eram muito amigos. A participação do pai de Sergio Moro na política ficou restrita ao apoio a um colega professor, que em 1996 elegeu-se vereador pelo PSDB.

– O que prova que o pai de Moro participou da fundação do partido na cidade? Quando ocorreu a tal fundação?

Não há prova alguma sobre isso. Sequer um documento que ateste.

– O pai de Sérgio Moro foi filiado ao partido?

Recebemos um documento de obituário retirado da revista da Unesp dos leitores Piu Mju e Márcia Dias. Nele não há sequer citação do pai de Moro em partidos políticos. Leia. Para jogar a pá de cal no boato, o leitor Alessandro Cyrino nos mandou uma entrevista da viúva de Dalton em que ela nega veementemente a informação. Depois que a viúva da pessoa fala, um amigo fala, não dá para sustentar a informação de que ele era do PSDB.

Além disso, há mais algumas informações para refletirmos: 1) o site Plantão Brasil já foi responsável por alguns boatos desmentidos por aqui; 2) o próprio texto do DCM aponta que ele se “dizia” apolítico e que quem fundou o partido foi Baccarin; 3) Nem o PSDB nem o juiz falou nada a respeito.

Com tudo isso podemos, sim, afirmar que a história que aponta que o pai de Sérgio Moro era do PSDB é falsa. Não passa de mais um boato sobre o juiz.

 

33 thoughts on “Pai de Sérgio Moro foi fundador do PSDB em Maringá (PR) #boato

  1. Seu Tião

    Não tenho provas,mas tenho convicção que ele é tucano de carteirinha.

    Reply
  2. Jair

    E dai se o pai do cara fumou maconha , comeu sua mãe, etc….O cara e um dos Poucos ÚNICOS que estão fazendo algo por essa merda do Brasil, que tem uma população cheia de Bundões Covardes. Prefiro os Homens bombas.

    Reply
  3. jerson

    E dai?
    O Sr Hélio Bicudo foi fundador do pt e pois na bunda do pt…

    Reply
  4. Daniel

    Se o site não encontrou provas a favor nem contra, porque publicar essa matéria vagabunda? Encontraram até indícios de fumaça no próprio partido e ainda assim resolvem tirar essa conclusão um pouco… precipitada? Foi-se o tempo do jornalismo investigativo.

    Nota-se a desinformação quando citam o boato desmentido da esposa de Moro, mas não citam o que não foi: sua ligação com a ONG ligada ao PSDB. Será que não pesquisaram o básico do assunto ou tem seletividade em mostrar apenas o que é desmentido?

    Vão vir “desmentir” a lista de filiados do PSDB em que consta um sujeito que nem homônimo de Sérgio Moro é também? Puxa vida, hein! Como se todo mundo já não soubesse!

    Desmintam a filiação do irmão de Moro ao PSDB, essa eu quero ver! Mas tenho certeza que são inteligentes e não ligarão ao partido atrás dessa informação, a menos que fossem muito ingênuos ou agissem de má-fé, sabendo que a resposta seria a mesma em qualquer caso. Um bom jornalista tem boas fontes e consegue seus documentos. Outros ligam ao próprio partido investigado aguardando uma doce confissão. Tragicômico.

    Pra finalizar: vocês cavam raso e querem tirar conclusões profundas. Primeira e última vez que entro nesse site.

    Reply
  5. Daniel H. Moro

    Caros esquerdistas idiotas.
    Me chamo Daniel Henrique Moro Malherbi dos Santos.
    Realmente sou filiado ao PSDB.
    Não possuo nenhum grau de parentesco com o brilhante juiz Sérgio Moro.
    A família Moro é uma das maiores da Itália.
    Mesmo sobrenome não quer dizer nada.
    Bando de ignorante.

    Reply
  6. FABIO

    PARA OS QUE OJERIZAM O AUTOR DO TEXTO, OS QUE VOCÊS DEFENDEM ESTÃO MAIS SUJOS QUE PAU DE GALINHEIRO. O MORO TEM REPUTAÇÃO ILIBADA, JÁ MUITOS POLÍTICOS…. ESCREVO COM CAPS LOCK ATIVADA E QUEM QUISER DISCUTIR OU PROPOR UMA TESE CONTRA O QUE DISSE QUE COMECEM A VERBORRAGIA!

    Reply
  7. Angelo

    Pouco importa se o pai do Sérgio Moro fundou ou não o PSDB. Ele não é parte nessa história. O fato comprovado é que sua esposa tem ligações com PSDB e o mesmo participa de eventos do partido, como o que promoveu a pré-candidatura de João Dória Junior à prefeitura de São Paulo. Isso é um quadro sério de comprometimento ideológico que põe em suspeição a parcialidade do Sérgio Moro, ainda mais quando conduz um ex-presidente à força (ou seja, preso), sem negativa à intimação, que não é réu, a prestar depoimento. Ainda mais quando defeca na Constituição e divulga gravação de Chefe de Estado, gravação ainda por cima ilegal pois obtida quando sustada a autorização. Está clara sua motivação política e seu ímpeto de destruir o oponente se servido da Justiça para tal mister.

    Reply
    1. Wilson Moreira Vascioncelos

      Concordo plenamente, esse juiz de araque age ideologicamente,influenciado pelos vínculos de vários tipos que ele e sua mulher têm com o PSDB….e o que é pior é a vaidade de pretender aparecer sempre mais como protótipo de Juiz…..personalidade das mais influentes do mundo,etc….certamente os que chegaram a tanto tinham grandeza de alma mesmo.

      Reply
  8. Lázaro Gomes

    Como ter certeza de alguma coisa nesta guerra de notícias?

    Reply
  9. Carlos Rabelo

    Matsuki, é, no mínimo, curiosa essa sua saga em tentar “provar ” que o pai do juiz não foi fundador do PSDB, ou que ele “apenas” apoiou um candidato amigo seu pela legenda em questão, quando a fonte deveria ser a ata de fundação do referido partido!
    Você chega a valorizar a negativa “com veemência” da viúva, assim como a da esposa dele. Você, no afã de sustentar a sua “isenção”, para “demonstrar” que seu trabalho é de checar se o que circula na internet é boato ou não, chegou a colocar um link para a “entrevista” enviada por Alessandro Cyrino, concluindo, ao final, de que “se uma viúva de uma pessoa fala, um amigo fala, não dá para sustentar a informação de que [o pai do juiz] era filiado ao PSDB”.
    Ora, Matsuki, você não acha que somos ingênuos, né? O peso dessa suposta negativa da viúva, assim como da de amigos e correligionários ou simpatizantes é incomparável com a negativa do Lula quando diz, amparado em documentos que têm fé pública (escritura), nos depoimentos e publicamente, que não é o proprietário do triplex e do sítio. Mas, como o objetivo é lançar dúvidas sobre a sua honra, para inviabilizar a sua imbatível candidatura em 2018, seus Matsuki, é, mínimo, curiosa essa sua saga em tentar “provar ” que o pai do juiz não foi fundador do PSDB, ou que ele “apenas” apoiou um candidato amigo seu pela legenda em questão! Você chega a valorizar a negativa “com veemência” da viúva, assim como a da esposa dele. Você, no afã de sustentar a sua “isenção”, para “demonstrar” de que seu trabalho é de checar se o que circula na internet é boato ou não, chegou a colocar um link para a “entrevista” enviada por Alessandro Cyrino, concluindo, ao final, de que “se uma viúva de uma pessoa fala, um amigo fala, não dá para sustentar a informação de que [o pai do juiz] era filiado ao PSDB”.
    Ora, Matsuki, você não acha que somos ingênuos, né? O peso dessa suposta negativa da viúva, assim como da de amigos e correligionários ou simpatizantes é incomparável com a negativa do Lula quando diz, amparado em documentos que têm fé pública (escritura), nos depoimentos e publicamente, que não é o proprietário do triplex e do sítio. Mas, como o objetivo é lançar dúvidas sobre a sua honra, para inviabilizar a sua imbatível candidatura em 2018, seus áulicos não estão nem aí para as provas já apresentadas, e ainda ignoram um princípio legal que preconiza que o ônus da prova cabe a quem acusa, e o princípio constitucional que norteia os direitos individuais, a presunção da inocência: todos são inocentes, até prova em contrário.
    No intuito de desgastá-lo, expuseram seus comentários, feitos reservadamente, como qualquer um faz na vida privada, para poder hipocritamente condená-los, atribuindo-lhes o rótulo de “ofensa pública”. Falsos-moralistas! Quem tornou-os públicos é quem merece a crítica, especialmente quando o conteúdo em nada acrescenta as investigações, como têm sustentado juristas, membros da Academia Brasileira de Direito, professores de Direito Penal e advogados, como publicou a Folha de São Paulo hoje, uma ação que extrapola a função judicante de magistrado, nitidamente política.
    Houvesse Lula dito o que disse publicamente, aí sim seria uma ofensa. Do jeito que a répública (com letra minúscula, mesmo) de Curitiba vai, daqui há alguns anos teremos cidadãos sendo presos, por que alguém, que não tem o “poder discricionário” de grampear o que se diz no particular, entre amigos, acusou-os de ter sido ofendido por telepatia! Os que hoje defendem esse absurdo jurídico, só porque não gosta, não concorda ou mesmo odeia o Lula, amanhã poderão ser vítimas dessa exceção.

    Reply
  10. Andreus Martins

    Moro nega: “Outro dia vi publicado que meu pai era fundador do PSDB em Maringá. Meu pai é falecido, professor de geografia, a pessoa mais honesta que eu conheci na vida e nunca teve relação nenhuma com partido. Isso chateia.”

    Reply
    1. Heitor Carestiato

      Bem, tentei verificar a relação Shell-Zucolotto.

      Na página do site há a referência a uma empresa, Helix Brasil.

      Os críticos do Moro, no afã de ligar sua esposa à Shell, fizeram a conexão com a Helix. A Helix é uma marca registrada da Shell, de lubrificantes. Não é uma empresa da Shell. E o logo da helix Brasii no site da Zucolotto não tem nada a ver com o lubrificante.

      Ademais, há varias empresas com esse nome, inclusive uma na área do petróleo com sede em Houston (Helix Energy Solutions), e sua subsidiária (Helix do Brasil) em Botafogo (parece que é só um escritório), mas não tem relação com a Shell.

      Enfim, essa relação Rosangela-Shell é uma bola fora. Faço aqui minha mea culpa. Realmente estranho a retirada do nome dela do site. Ou saiu mesmo de lá devido à tanta aporrinhação.

      Já em relação às ligações Moro-PSDB, não há o que contestar. Vide sua recente palestra no evento do João Dória Jr (candidato tucano à prefeitura de SP).

      Abs

      Reply
  11. Heitor Carestiato

    Está no link da Câmara Federal sua ligação com o tucano Flávio Arns:

    http://www.camara.leg.br/internet/ordemdodia/ordemDetalheReuniaoCom.asp?codReuniao=31538

    – ROSANGELA WOLFF DE QUADROS MORO, Procuradora das APAEs do Estado do Paraná, representando o DR. FLÁVIO ARNS – Vice-Governador do Estado do Paraná (confirmada);

    Ademais ela “era” membro do Escritório de Advocacia, o qual um dos clientes era a Shell.
    Se você hoje entrar no site http://zucolotto.adv.br/ , nada encontrará, pois foi tais informações foram omitidas.

    Mas essa reportagem da Carta Maior, deu o print na tela da época em que ainda estava:

    http://cartamaior.com.br/?/Editoria/Politica/Esposa-de-Juiz-da-lava-Jato-e-assessora-juridica-de-Vice-de-Beto-Richa-PSDB-/4/32372

    “O elo de Rosângela Moro com o PSDB é tão visível que ela acompanha todos os trabalhos de Eduardo Barbosa de Minas Gerais, Vice-Líder do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) na Câmara dos Deputados, chegando á segui-lo na Rede Social.

    Assim como a senhora Moro, EB presidiu a Federação das Apaes de Minas Gerais, foi também Presidente da Federação Nacional das Apaes (Fenapaes)”

    Reply
    1. Guto

      Mas o Flavio Arns vem nessa federação das APAEs desde 1991… e em 2001 a 2009, foi do PT, ou seja, se existe assessoria, é para o Flavio pessoa, e nao o Flavio, Politico.

      Reply
  12. Ana Maria

    Me pergunto porque minha resposta ao post de Ana Carolina não foi publicado. Nada ofensivo, apenas um questionamento.

    Reply
  13. David Noronha

    Mias uma que circula por aí, deve ser fácil de provar ou desmentir, é só ver no TSE, creio… Abs.

    Esse cara merece um prêmio mesmo… Olha o que ele está fazendo pelos 64 parentes filiados ao PSDB-PR! Gente, ele é um fofo…

    Atualizando: no PSDB-SP são mais 54 parentes filiados, vou postar a lista em outro post.

    Sério, esta lista foi retirada agora do TSE, que isenção este juiz pode ter para estar a frente da Lava Jato?

    Adao Ivo Moro
    Adriano Moro Bittencourt
    Alexandra De Souza Moro
    Andre Cristiano Moro
    Andreia De Fatima Moro
    Antonio Moro
    Antonio Moro Neto
    Aurora Mazzuco Moro
    Carlos Odilon Moro
    Carmelio Alves Moro
    Claudinei Dal Moro
    Cristiano Dal Moro
    Daniel Henrique Moro Malherbi Dos Santos
    Daniel Moro De Farias
    Denis Moro De Farias
    Denise Moro De Farias
    Deuzelio Alves Moro
    Dinacyr Moro Zetola
    Diva De Oliveira Moro
    Domingos Moro
    Doraci Moro De Farias
    Elaine De Fatima Moro
    Eliane De Jesus Moro Conck Santos
    Elvando Silveira Moro
    Elza Maria Moro Zetola Delage
    Gabriel Moro
    Giovana De Souza Moro
    Gracita Sanches Moro
    Ida Regina Moro Milleo
    Iraci Antonio Dal Moro
    Iraci Maria De Lima Moro
    Joao Cristiano Moro De Bastos
    Jose Moro
    Lucia Donizeti Moro
    Lucimara De Fatima Moro
    Luis Carlos Moro
    Luiz Albenir Moro
    Marcos Antonio Moro
    Marcus Moro
    Maria Aparecida Moro Guelere
    Maria Elena Moro
    Marise Elizabete Moro
    Nair Moro Brisot
    Nelson Moro
    Neusa Aparecida Moro
    Nicolas Moro Nascimento
    Olice Manoel Moro
    Oslei Antonio Moro Machado
    Roberney Moro Veltrini
    Rodivan Dal Moro
    Romacir Domingos Dal Moro
    Rosemar Roberti Moro
    Rosemara Da Silva Moro
    Rosemari Carvalho Moro
    Rosilene Do Carmo Nogosseki Moro
    Sebastiao Moro
    Sergio Roberto Moro
    Silvia Moro Conque
    Sonia De Geus Moro
    Valerio Luiz Moro
    Valquiria Barbara De Oliveira Moro
    Vanderlei Moro
    Vania Moro
    Vivian Moro Almeida

    Reply
    1. Guto

      Sobrenome nao significa que é parente de 1o ou 2o grau…… se voce digitar Silva, aparece milhares…

      Reply
      1. joao de assis mariosi

        ele é parente do aldo moro, chegado em acabar com áfias

        Reply
    2. LUIZ FELIPE PEIXOTO FERREIRA

      Prezado David Noronha,

      Segue a listagem dos “parentes” do Juiz Sérgio Moro filiados apenas no PT-PR:
      AILSON ORLEI MORO CAMARGO
      ANA MARIA DE OLIVEIRA MORO
      AZENIR FAGUNDES MORO
      CIDELEI ELISA MORO MENDES
      CLEVERSON JOSE MORO
      DOLUACI MORO
      DULCINDA DE LURDES MORO REDESCHI
      ELOMAR MORO
      ERMINIO LOURENCO MORO
      EVILMAR JOSE MORO
      EVILNEI MORO
      FABIO RENATO MORO MALERBA SIMOES
      FRANCISCO MARTINATO MORO
      GERSON MORO
      IZABEL MARCINIACK MORO
      JANILSON JUNIOR MORO MENDES
      JOAO CRISTIANO MORO
      JOAO RAIMUNDO MORO
      JOAO RAIMUNDO MORO JUNIOR
      JOSE AURELIO MORO
      JOSE AURELIO MORO
      LAERTES ANTONIO MORO
      LENICE DE OLIVEIRA MORO
      LUCIANO DA SILVA MORO
      LUIZ CARLOS ANDRADE MORO
      LUIZ ERICO MORO
      MARCOS VINICIUS MORO REDESCHI
      MARIA LUIZA FERREIRA MORO
      MIGUEL MORO
      OSNEI MORO
      RYANN CASALVIERI MORO
      SOELI TEREZINHA DAL MORO
      SUELI DA SILVA MORO
      THIAGO MORO SOSA
      VITORIO MORO
      Fonte: http://www.tse.jus.br/partidos/filiacao-partidaria/relacao-de-filiados – Busca realizada em 21/03/2016 às 17:41h.

      Atenciosamente,

      Felipe

      Reply
      1. LUIZ FELIPE PEIXOTO FERREIRA

        Atualizando: Segue a listagem dos 91 “parentes do juiz” filiados do PT-SP:

        DAIANE DANIELE MORO
        JAIR MORO PEREZ
        NEUSA DE ANDRADE MORO
        SILVERIO MORO
        SIDNEY BARBOZA MORO
        JOSÉ MARCELO MORO
        RAIZA BARBOSA MORO
        ZENAIDE BARBOSA MORO
        MARIA DA GLORIA MORO
        ALVARO BARBOZA MORO
        JOAO LUIZ MORO FAILLE
        ELTON DONIZETE MORO
        NELSON MORO JUNIOR
        ANGELA DA SILVA MORO
        JOAO MORO
        ANDREA RODRIGUES MORO PEREZ
        THAIS BARBOSA MORO
        TABI BARBOSA MORO
        ADELINA CLAUS MORO
        ROSANGELA MORO
        ROSANGELA DA SILVA MORO DA HORA
        MATEUS OLIVEIRA MORO
        MARINA MORO VITORATO
        EVANE GESSI MORO ALVES
        LENERCY PASCHOALINI MORO
        ANDRE LUIZ MORO
        LUIZ ANTONIO VALENTIM MORO
        SONIA REGINA MORO
        VERGINIO MORO
        JOSE VALDIR MORO
        MARIA ANGELICA MORO
        MARIZIA CONTI MORO
        GISLENE DE ALMEIDA MORO
        ISIDORO MORO
        SILVIA MARINA FERNANDES MORO BARONI
        JOAO SANTIAGO MORO
        IVAN PEREZ MORO
        WANESSA MORO
        DERVILIO MORO
        GILDO MORO
        ANA MARIA MORO TAKATA
        CARLOS ALBERTO MORO FAILLE
        MARIA DE LOURDES BARBOZA MORO
        IRANI ROSA PEREIRA MORO
        CLAUDIO VIANI MORO
        JEFERSON MORO ROSSI
        IVAN PEREZ MORO
        IVAN PEREZ MORO
        JOSE ANTONIO MORO
        GUSTAVO MORO
        Fonte: http://www.tse.jus.br/partidos/filiacao-partidaria/relacao-de-filiados

        Diante desses fatos é mais provável que Sérgio Moro esteja se dedicando tanto as investigações da Lava-Jato por ser um garoto mimado e estar revoltado com sua família do que para favorecer algum parente do PSDB.

        Reply
    3. adriano moro bittencourt

      O seu idiota, embora eu tenha o mesmo sobrenome do Juiz, não sou parente dele. Se vc não gosta dele o problema é seu, mas daí a afirmar que por eu ser filiado ao PSDB e ter o mesmo sobrenome dele eu seja parente é demais. Você é um ridículo.

      Reply
  14. Rodrigues

    Vcs podem pedir ao Cartório Eleitoral de Maringá a cópia da ata de fundação do diretório municipal do partido. É um documento público. Não vai indicar quem atuou politicamente, mas vai mostrar quem fundou o partido formalmente lá.

    Reply
  15. Ana Carolina

    Rosangela Wolff, esposa do Moro, além de ex-assessora de políticos do PSDB do Paraná, é sobrinha de Luiz Fernando Wolff de Carvalho, dono/fundador da empreiteira Triunfo, sócio da Triunfo Participaçoes, a qual não entrou em nenhuma investigação, mesmo o mercado sabendo que é das mais corruptas. Em Santa Catarina, por exemplo, seu dinheiro comprou o governo de Raimundo Colombo e suas obras.

    Reply
    1. Ana Maria

      Você tem provas do que está falando ou são apenas ilações? Porque este espaço visa justamente derrubar os boatos que em nada contribuem para uma internet mais confiável.

      Reply
    2. Guto

      Nada oficial… pois ela é procuradora juridica para as APAEs do Parana, e o Flavio Arns, era presidente das APAEs… e foi dessa foto, de 2013, que começaram os boatos.

      vale lembrar que flavio arns, ja foi do PT de 2001 a 2009.

      Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *