Pisca piscas chineses fazem árvore de Natal pegar fogo, mostra vídeo #boato

Boato – Deixar pisca piscas chineses, que não possuem controle de qualidade, ligados durante a noite podem causar incêndio.

Novembro está acabando. Nas prateleiras de mercados e de lojas de utilidades, produtos natalinos estão tomando cada vez mais espaço nesses locais. Afinal, a mágica do Natal alimenta esse tipo de comércio. Montagem de árvores natalinas, troca de presentes, reunião familiar…

E, claro, não dá pra esquecer do famoso pisca pisca. E é exatamente um dos itens indispensáveis no Natal de muitas famílias que está dando o que falar. Com a proximidade do dia 25/12, um vídeo de uma árvore natalina pegando fogo começou a circular na internet.

“Os pisca piscas são chineses sem nenhum controle de qualidade, jamais deixar ligado a noite toda ou quando sair de casa”, dizia a publicação. Ela alerta para o perigo do uso de pisca piscas chineses nas árvores, fazendo um apelo para as famílias não deixarem as luzes ligadas durante a noite.

Pisca piscas chineses fazem árvore de Natal pegar fogo?

Bom, sabemos que é muito importante tomar cuidado com as luzes de Natal, porém, essa história que anda circulando pelas redes sociais é balela. É importante destacar que o vídeo, por outro lado, é real, mas fala sobre outra coisa. Quer saber o que é? Então, continua acompanhando o texto.

Aqui no Brasil, o órgão responsável pela fiscalização e regulamentação desse tipo de produto é o Inmetro. Porém, as luzes natalinas não são certificadas, ou seja, não há um selo do Inmetro que indique que o produto passou por testes e foi liberado. Entretanto, o órgão destaca que os pisca piscas precisam atender requisitos básicos obrigatórios e eles podem ser encontrados nesse documento, caso você tenha dúvidas.

Com a popularização e acessibilidade da tecnologia, hoje, a maioria das lâmpadas (seja ela normal ou dos pisca piscas) são de led. E uma das vantagens é que ela ilumina mais e esquenta menos, dessa forma, gerando economia e diminuindo o risco de incêndios.

Além disso, é importante lembrar que não é só porque o produto é chinês que ele vai causar problemas. Ou só os chineses vão causar esse tipo de problema. No link anterior, que fala sobre os requisitos obrigatórios dos produtos, o Inmetro também dá dicas sobre como evitar incêndios e curto-circuitos, entre eles: não acumular muitas luzes ligadas em apenas uma tomada, evitar usar lâmpadas incandescentes por tempo prolongado e não derrubar água nas luzes ou tomada. Se esses cuidados não forem tomados, não terá pisca pisca padrão americano ou europeu que dê conta do recado.

Por fim, como dito lá em cima no texto, o vídeo é real, mas alerta para outra coisa. Na verdade, o vídeo é um alerta da U.S. Consumer Product Safety sobre o uso de árvores reais no Natal. Eles destacam que árvores secas representam um risco muito maior de incêndio do que aquelas que são regadas periodicamente.

E eu vou abrir um parênteses bem grande aqui para mostrar o motivo de que, nem regando, é interessante colocar uma árvore real rodeada de pisca piscas dentro de casa. Nos EUA, as árvores mais comumente escolhidas como ‘pinheiros de Natal’ são do gênero abeto, que são árvores coníferas.

E o que isso representa? Bem, os abetos fazem parte da mesma família que o pinheiro. Sua incidência é em regiões extremamente frias. E para não morrerem, os abetos produzem óleos, que impedem o congelamento da árvore. Além disso, eles também produzem resinas e suas folhas são menos úmidas que o restante das outras espécies. Ou seja, são características desse gênero, mas que funcionam como combustíveis para o fogo, o que torna as árvores coníferas mais suscetíveis a incêndios.

Sendo assim, é extremamente perigoso deixar pisca piscas ligados em árvores reais, seja ele chinês ou não. Tomar os cuidados básicos orientados pelo Inmetro também ajuda a manter a segurança do seu Natal. Boas festas!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 994325485.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)