Caças russos fazem voos rasantes perto de navio dos EUA em abril de 2017 #boato

Boato – Aviões caças russos fizeram voos perigosos perto de navio dos EUA. Ação é sinal de que a 3ª Guerra Mundial está próxima.

Após a resposta norte-americana ao ataque químico que matou 80 sírios as relações internacionais entre diversas nações ficaram estremecidas. Mas, uma vez que os EUA atacou uma base síria, a Rússia, aliada do governo sírio, não gostou nada da intervenção estadunidense e os dois países se “azedaram” uns com os outros.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:
Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99331-6821 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

Enquanto de um lado Donald Trump defendeu firmemente que a ação foi a mais correta frente a barbárie do ataque químico, do outro Putin afirmou que os EUA se excederam e expressou total desacordo quanto a ação militar norte-americana. Isso pôs fogo em uma fogueira há muito tempo “apagada”, afinal por décadas EUA e Rússia fizeram o mundo se dividir na Guerra Fria.

Acontece que, segundo informações compartilhadas no Facebook e WhatsApp, as coisas estão esquentando. Imagens mostram caças russos sobrevoando o Mar Negro muito próximos do navio USS Porter. A ação russa seria uma provocação e um sinal de que a 3ª Guerra Mundial está a caminho. Confira a postagem e assista ao vídeo:

CAÇAS RUSSOS FAZEM RASANTES EM DESTRÓIER DO USA. Podemos estar caminhando para 3a. Guerra Mundial hoje 08/04/2017 as 11:45 hora de Brasília, caças russos provocaram um incidente jamais visto até hoje entre a Russia x USA, o destróier Americano já estava pronto a abrir fogo quando os caças vermelhos bateram em retirada. Os russos estão brincando com fogo! Vôos rasantes sobre a base naval norte-americana, nessa manhã!

Caças russos fizeram voos rasantes perto de navio dos EUA esta manhã?

A situação realmente ficou tensa entre a Rússia e os EUA, como bem tem mostrado a imprensa brasileira e internacional. Mas não houve ação hostil dos russos nessa manhã e nem no último dia 08 de abril, como se menciona acima.

Na realidade, as imagens mostradas são de um voo considerado “perigoso” que caças russos fizeram em abril do ano passado. Isso mesmo, em 2016 pilotos russos fizeram exercícios de combate muito próximos de um navio estadunidense que não era o USS Porter. O navio em questão era o USS Donald Cook e o fato aconteceu no Mar Báltico, não no Mar Negro como se tem afirmado.

Recentemente, em fevereiro de 2017, o exército dos Estados Unidos reclamou novamente de voos “inseguros” realizados por caças russos, como mostra essa matéria da Reuters, mas a ocorrência foi minimizada pelo Ministro da Defesa da Rússia e a coisa toda ficou no “disse não disse, fez não fez”.

Claro que paira desde sempre uma tensão entre as duas nações, mas até o momento não houve ataques assumidos ou provocações diretas que indiquem o início de um novo conflito armado entre os países. Até porque para uma guerra se iniciar é preciso muito mais do que um voo rasante.

E no caso das imagens dos voos que supostamente foram uma provocação direta aos EUA, elas nem são atuais, ocorreram há um ano, muito antes do ataque a base síria. Portanto, até que novos episódios dessa história ocorram não há como mencionar uma guerra. E sim, especulação também é uma forma de boato.

PS: Esse artigo foi uma sugestão de diversos leitores via WhatsApp. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp, no telefone (61) 99331 6821.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)