Confira quais são os principais tópicos da reportagem da France Football sobre o Brasil

By | 25/02/2014

Para entender o caso, leia este texto do Boatos.org

 Capa

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

– Medo do Mundial. Afetada pela crise econômica e social, o Brasil está longe de ser o lugar imaginado pela FIFA para organizar uma Copa do Mundo e agora, a menos de cinco meses de seu pontapé inicial, é uma terrível fonte de ansiedade.

Tópico 1

– Brasil – Medo do Mundial. Atrasos nas fases de entrega, aumento dos preços, risco de novos protestos de rua, grandes diferenças de calor entre os locais. O Mundial do Brasil está causando preocupação a 140 dias do jogo de abertura no dia 12 de junho, em São Paulo.

– Apenas seis dos doze estádios foram entregues no  prazo de 31 de dezembro de 2013 estabelecido pelo Fifa

– Em algumas cidades, foi atingido o alerta máximo

Tópico 2

– Turistas devem passar por aeroportos entre potes de tinta e andaimes

– Sempre repreendendo raivas sociais

Entrevista sociólogo Mauricio Murad

– Já é tarde demais. Este sociólogo brasileiro autor de um livro intitulado violência no futebol Referência teme novos protestos na Copa do Mundo.

– “O país não fez nada e Copa do Mundo não vai deixar nenhum legado”.

Tópico 4

– Assim como a sociedade brasileira que mobilizou o descontentamento, jogadores de futebol também têm direitos para fazer valer.

– Segurança . É em dentes.

– Um grande desafio para Dilma e Blatter.

Tópico 5

– Cuidado com insolação. Apesar de a Copa do Mundo ser jogada durante o inverno no Brasil, as condições climáticas em alguns estádios poderá afetar a saúde e recuperação dos jogadores.

– Uma pausa para hidratação em cada tempo.

 – As críticas dos selecionados.

Entrevista Joseph Blatter

– O orgulho não deve fazer os compromissos serem esquecidos. Presidente da FIFA colocou pressão sobre o governo brasileiro e diz que o organismo internacional pode ser muito confiável.

– O futebol é como a batata, é bom para todos.

– Se jogarmos no inverno no Qatar, será novembro-dezembro 2022.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *