Lorota: faxineira que furtou bombom diz que preferia ter roubado Petrobrás

By | 20/10/2015

Boato – Indignada por ter sido presa ao roubar um bombom, faxineira afirma que era melhor ter roubado a Petrobrás.  

Todos os dias aparecem tantos boatos na internet que fica difícil não se impressionar. De prenúncios do fim do mundo a notícias sobre bases terroristas no Brasil, já vimos e desmentimos quase tudo aqui no site.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Boato espalha história falsa sobre faxineira presa por roubar chocolate e declaração sobre a Petrobrás

Boato espalha história falsa sobre faxineira presa por roubar chocolate e declaração sobre a Petrobrás

Hoje, vamos falar sobre o caso da faxineira que após ser presa por furtar um bombom afirmou que seria melhor ter roubado a Petrobrás. A fala da mulher, baseada em sua indignação ao ser detida por causa de um chocolate, repercutiu nas redes sociais. Tanto que uma montagem foi postada no Facebook no último dia 14 rendendo mais 41 mil compartilhamentos, 12 mil curtidas e mil comentários. Uma história e tanto, não?

Pois bem, o caso da faxineira que furtou um chocolate ocorreu realmente, em Roraima. A mulher de 32 anos de fato foi detida e acusada por furto qualificado após comer um chocolate que estava na mesa de um delegado da Polícia Federal. A ocorrência foi noticiada no portal Estadão e mobilizou internautas que ficaram indignados por uma pessoa ser presa por motivo tão banal.

Só que não houve fala sobre a Petrobrás. Não encontramos nenhum indício dessa informação e mais, a pessoa mostrada na imagem não é a faxineira do caso. Na montagem, a pessoa da foto é Ana Carolina Rosa, vencedora de um concurso de beleza do presídio Talavera Bruce, na zona oeste do Rio de Janeiro. A mulher detida pelo furto do bombom sequer apareceu em imagens e teve o nome preservado.

Para encerrar nosso caso, essa história toda apareceu primeiro no blog Joselito Muller, sabidamente de notícias falsas e, ainda assim, acreditado por muitas pessoas. Um google combinando as palavras ‘faxineira’, ‘chocolate’ e ‘furto’ seria o suficiente para mostrar a história verdadeira. Pena que milhares de pessoas preferem a tecla ‘compartilhar’ a ‘pesquisar’.

PS: Esse artigo foi uma sugestão do leitor Elizeu Chiogna. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site ou pelo Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *