Juíza do Fórum de Duque de Caxias bate carro e agride policiais #boato

Boato – Juíza do Fórum de Duque de Caxias, bebeu, dirigiu, bateu carro, agrediu policiais, foi filmada e liberada após pagar fiança.

Felizmente, parece que as pessoas têm, nos últimos tempos, criado consciência sobre os riscos de se beber e dirigir. Pelo menos, isso é o que tem sido mostrado na internet. Agora só falta essas mesmas pessoas descobrirem o que é verdadeiro e falso na web. Há poucos dias, desmentimos um boato que falava sobre o aumento da pena para quem dirige embriagado. Hoje, uma história relacionada circulou online.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Viralizou no Facebook e WhatsApp um vídeo de uma mulher algemada na calçada proferindo xingamentos a torto e a direito. De acordo com o texto que acompanha a filmagem (que não vamos exibir por aqui), a mulher seria uma juíza de direito da cidade de Duque de Caxias (no Rio de Janeiro). “QUE VERGONHA!”, diz o início do texto.

Depois a mensagem aponta o seguinte: “Juíza do Fórum de Duque de Caxias, bate em vários carros, polícias do 9o BPM, abordam a mesma, que estava totalmente alcoolizada as 18 horas de ontem é algemada depois de agredir polícias e cidadãos na rua, com palavras de racismo e outras, foi levada a delegacia, no qual o delegado registrou R.O contra a mesma, que pagou fiança de 1000 reais e vai responder em liberdade”.

Juíza do Fórum de Duque de Caxias bate carro e agride policiais?

De fato, o vídeo mostra alguém em estado alterado e é um belo exemplo do que não se deve fazer (a mulher chegou, de fato, a proferir comentários racistas e ofensivos contra os policiais, além de tentar agredir um deles) no volante e fora dele. Mas será mesmo que a mulher do vídeo é uma juíza de Duque de Caxias? A resposta é não. Vamos aos fatos.

Quase tudo na história está correto, menos a identidade da pessoa e a questão da fiança (não confirmada). A Amaerj (Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro) publicou mensagem afirmando que a mulher do vídeo não é juíza. Leia o texto, que foi publicado aqui:

A AMAERJ esclarece que, diferentemente do que vem sendo veiculado em alguns grupos da WhatsApp, não é juíza de Direito a mulher algemada por policiais militares e filmada, aparentemente embriagada, após bater em carros, em Campinho (zona norte do Rio).

No site, a associação publicou que a pessoa do vídeo é uma dentista. A tese é confirmada por esta matéria do Jornal Extra no dia 22 de dezembro de 2017. O incidente aconteceu na Zona Norte do Rio, na região de Campinho. Como dito antes, a matéria do Extra não especifica se a mulher pagou fiança.

Resumindo: apesar de o vídeo da mulher xingando policiais ser real, não se trata de nenhuma “juíza do Fórum”. Muito menos do Fórum de Duque de Caxias. Bora para o próximo boato.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 994325485.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

12 comentários em “Juíza do Fórum de Duque de Caxias bate carro e agride policiais #boato

  • 28/12/2017 em 18:54
    Permalink

    Assim como essa mulher cometeu um crime, e deve pagar por isso. Tambem quem divulga mentiras na internet tambem comete algum tipo de crime(nao sou advogado/delegado) para tipificar o crime. Por tanto, deveria tambem ser investigado de onde partiu a mentira e tambem punir quem iniciou tudo essa mentira.

    Resposta
  • 28/12/2017 em 13:50
    Permalink

    o novo código diz que quem fo pego dirigindo alcoolizado é preso sem pagar fiança nesse caso para a juíza não valeu o código pagou uma fiança de 1000 e foi solta esse é o Brasil que nojo desse país

    Resposta
  • 28/12/2017 em 12:31
    Permalink

    Pior não é a impunidade, pior é a Lei que não tem onde colocar e recebe dinheiro e ninguém sabe onde vai parar. Eles vão continuar a fazer se nada mudar pois sabem que é só pagar sair ou dar um telefonema para o amigão Gilmar.

    Resposta
  • 27/12/2017 em 23:55
    Permalink

    Não me importo se é boato ou não, se é juíza ou faxineira, o que conta é as palavras proferidas e o estado de embriaguez ao volante somada a agressão ao agente de segurança pública mais o ato de injúria racial. A população deveria tela agredido para que a justiça fosse feita tendo envista que este país não aplica a lei para os mais abastardos financeiramente.

    Resposta
    • 29/12/2017 em 02:04
      Permalink

      Como a gente pune a transgressora preconceituosa? Com linchamento e muitos, muitos erros de língua portuguesa…

      Resposta
  • 27/12/2017 em 15:29
    Permalink

    CRIME DE RACISMO NÃO É INAFIANÇÁVEL ? e daí seu delega , que treta é essa ?

    Resposta
  • 27/12/2017 em 14:37
    Permalink

    Pois é. Sendo ou não juíza está errada e deve pagar pelos erros. Mas, qual mesmo o número do Conselho desta cidadã?

    Resposta
  • 27/12/2017 em 11:49
    Permalink

    Muito bom o esclarecimento de vcs.mas sendo juíza ou não foi um mal exemplo

    Resposta
  • 27/12/2017 em 11:07
    Permalink

    Sendo juíza ou gari não importa, ela além de colocar a vida das outras em perigo, ela foi extremamente preconceituosa! Como os xingamentos foram contra policiais, pode né? Se fosse contra gays, aí sim ela teria problemas! Que m de país é esse?

    Resposta
    • 27/12/2017 em 16:27
      Permalink

      Vcs leram toda a matéria do site??
      Acho que eles fazem referência as duas situações, pois já no início, falam sobre o fato das pessoas estarem se conscientizando sobre o álcool e a direção e depois falam do fato de terem sido preconceituosa no tratamento ao policial!!
      Vcs gostam é de criticar!!! Com certeza foram desses que receberam (ou recebem) a mensagem e passaram a diante, sem confirmar sua veracidade!!!
      Abraços

      Resposta
    • 29/12/2017 em 02:00
      Permalink

      Palmas. Critique o vídeo preconceituoso com mais preconceito. <3

      Resposta
      • 29/12/2017 em 02:06
        Permalink

        Ish, era sobre a Dona Fátima lá em cima, o caro Mau Mau arrasou no comentário.

        Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)