Detalhes da intervenção no Rio (Plano de Ação Redentor) vazaram na web #boato

Boato – Intervenção militar coloca quartel dos bombeiros de Guadalupe sob responsabilidade do B.Log e desloca Rota de São Paulo para o Rio de Janeiro, segundo detalhes do Plano de Ação Redentor.

A decisão do presidente Michel Temer (PMDB) de decretar uma intervenção federal na segurança pública no estado do Rio de Janeiro ainda divide opiniões. Entre aplausos e críticas, o Boatos.org começa a lidar com as muitas notícias falsas sobre o assunto.

Nos últimos dias, já apareceram histórias sobre o general Gramoza, plano estadual de intervenção, toque de recolher e a chegada de tanques de guerra. Agora, circulam pela internet “detalhes” sobre como seria a intervenção no Rio. Nas nossas pesquisas encontramos duas versões do tal plano. Em uma das publicações, o plano é chamado de “Plano de Ação Redentor” a outra tem como fonte “O Patriota” (?). Ambas versões “vomitaram” diversas ações do plano.

De acordo com a mensagem, o plano coloca o quartel dos bombeiros de Guadalupe sob responsabilidade do B.Log (Batalhão de Logística), a Dutra com 3 mil homens das forças armadas e 4 mil da Força Nacional e aeronaves equipadas com metralhadoras e 9 mil homens para sobrevoar dia e noite alguns morros.

Não é só isso: a avenida Brasil seria dividida em seis zonas, monitoradas por 4.500 homens. A ROTA, tropa de São Paulo, enviaria 400 homens para a Via Dutra. As comunidades com UPPs receberiam bases de órgãos do Exército e VANTs (veículos aéreos não tripulados). O texto ainda prevê prisão para quem não estiver com documentos de identificação na rua. Confira o texto completo (se tiver paciência de ler):

Detalhes extraídos do PARe – Plano de Ação Redentor. Quartel dos bombeiros de Guadalupe ficará sob responsabilidade do B.Log e vai ficar responsável pela guarda de blindados e possivelmente duas aeronaves. A Dutra vai receber 3000 homens das forças armadas, o exército junto com 4700 homens da FN vão patrulhar a Dutra começando do Jardim América até a Baixada. Sete aeronaves equipadas com metralhadoras .30 (ponto 30) e carregadas vao sobrevoar dia e noite toda o entorno do Chapadão e Gogó da ema.

A estrada Rio do Pau, ficará a cargo do 4 RCB sediado no sul e o 2 RCG do Rio, com 9000 homens, cobrindo todo o entorno do Chapadão, Via Light e todas as suas comunidades. O Chapadão vai receber ainda a visitinha de blindados e aeronaves, entre eles 4 S92. A Av. Brasil será dividida em 6 zonas, a zona vermelha que compreende de Irajá a Vila Kennedy ficará responsável por cerca de 4500 homens da PRF e COT, Fuzileiros e Aeronáutica, só de blindados são 30 ( eu esrou nessa).

A novidade será a ajuda de SP, a ROTA vai mandar, em reunião acertada com Alckmin , 400 homens, que ficarão responsáveis juntos com a PMERJ do Rio (37 BPM) de fazer o pente fino na Dutra, altura de Resende, onde todos os caminhões e ônibus serão revistados, ordem de Brasília, já os carros serão revistados caso seja considerados suspeitos. Pacificação:

Todas as comunidades com UPPs vai receber bases avançadas da PQD, Comandos anfíbios, Fuzileiros. Aeronaves serão utilizadas para transporte de tropas em comunidades que tenha matas, a novidade será o emprego do comando SIGS, já baseado no Rio, chegaram hoje as 17:30. A ordem é passar o rodo. Mais uma novidade: Pela primeira vez a PF e o EB vão usar o VANT , veículo aéreo não tripulável, que vai espionar em tempo real a bandidagem.

Documentos: Quem não tiver com documentos de identificação civil nas ruas, depois das 22:30 ser conduzido para a Vila Militar, caso seja constatado mandatos de prisão, os mesmos serão transferidos para a cidade da Polícia e posteriormente embarcados em avião da FAB ( serão 14 aviões de prontidão) para presídios federais. A cidade da Polícia vai receber 14 mil homens da Marinha de Guerra. 15 anfíbios vão tomar a praia de Ramos, despejando mais de 300 homens na área com apoio aéreo. Será considerado zona de segurança.

Todo o entorno da escola de marinha Mercante , em um raio de 6 km, será isolada, isso significa que a bandidagem da comunidade Kelson’s na Penha já pode começar a correr. A ordem é passar o cerol. Presidios: Fuzileiros navais, PQD e comando Anfíbios vão tomar conta dos presídios, serão 8900 homens, todos escolhidos a dedos e considerados linha dura. Bloqueadores de celulares , caminhões bloqueadores, vão ficar no entorno. Qualquer rebelião a ordem é passar o cerol. *trecho do relatório 2018CML02FFAA

Detalhes da Intervenção no Rio (Plano de Ação Redentor) vazaram na web?

Sinto muito em não poupá-los do “textão”, mas não teve jeito. Sem mais delongas, saiba que essas ações não fazem parte de nenhum plano de intervenção. A história é, “tipo assim”, completamente falsa. Vamos aos porquês.

O primeiro ponto que nos leva a essa conclusão é que algumas das ações descritas já foram desmentidas aqui no Boatos.org. Como é o caso do boletim interno do Ministério do Exército proibindo pessoas na rua após as 22 horas e os tanques do Exército na Via Dutra.

O segundo ponto que denuncia a farsa está na “pressa” de quem criou o texto. Enquanto tem gente “definindo” plano de ação por aí, o Exército precisa esperar que o decreto que autoriza a intervenção seja aprovado no Congresso para que tome qualquer ação prática no Rio.

Mesmo com tudo isso, fomos checar se alguma das informações foram veiculadas em algum site confiável. Além de não encontrar nada, descobrimos que o próprio Exército, por meio da Revista Sociedade Militar, desmentiu o “textão do zapzap”. Em sua conta no Facebook, a revista comentou o episódio: “metralhadoras apontadas e desembarque anfíbio. Fake News exagera na ânsia de ganhar dinheiro a custa do desespero alheio”, disse.

Enfim, como vocês puderam ver, a história de que detalhes da Intervenção no Rio (Plano de Ação Redentor) vazaram na web é falsa. Ah, só mais um detalhe: o texto é tão tosco que está cheio de erros de português e chega a falar que a ROTA vai para o Rio… tenha dó!

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61)99177-9164.

Um comentário em “Detalhes da intervenção no Rio (Plano de Ação Redentor) vazaram na web #boato

  • 20/02/2018 em 21:55
    Permalink

    Eu gostei da ROTA no Rio… É para o PCC mandar definitivamente na bandidagem do RJ? kkkkkkkkkkkkkkk

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)