Hackearam o Uber para cometer sequestro relâmpago com nossos dados #boato

Boato – Aplicativo do Uber foi hackeado por criminosos para cometer sequestro relâmpago com os dados dos usuários.

Com a proposta de revolucionar a mobilidade urbana, a Uber conquistou amantes em diversas cidades brasileiras. Nesses quase quatro anos de atividade no Brasil, a empresa americana coleciona fãs, polêmicas e boatos.

Depois da história da promoção de aniversário e dos bandidos disfarçados de instrutores do Uber, circula pelo Facebook e WhatsApp a história de que o Uber foi hackeado para cometer sequestro relâmpago com os dados dos usuários.

Na mensagem, a usuária relata uma tentativa de assalto e informa que, ao entrar em contato com a motorista, foi informada que “hackearam o aplicativo do Uber” e que estavam usando os dados dos usuários para cometer sequestro relâmpago. Leia o que diz o texto:

Uber foi hackeado para cometer sequestro relâmpago com dados dos usuários, diz boato
Uber foi hackeado para cometer sequestro relâmpago com dados dos usuários, diz boato

Hackearam o Uber para cometer sequestro relâmpago com nossos dados?

Um monte de gente ficou assustada e compartilhou a mensagem sem saber se as informações eram verdadeiras. Para essas pessoas temos um recado: o Uber não foi hackeado. Sem mais delongas, vamos aos fatos.

Antes de qualquer coisa, vamos esclarecer que não estamos analisando se houve ou não tentativa de assalto (até porque pelo que vimos, a pessoa que fez o relato não é nenhum perfil fake) e, sim, a informação de que o aplicativo teria sido hackeado para cometer sequestro relâmpago (informação que teria sido passada a essa pessoa pela motorista do app).

Dito isso, vamos ao que interessa. Apesar de muitos não terem notado, essa história de que estão hackeando o aplicativo é velha. Em 2015, um texto semelhante viralizou na internet. Segundo as informações, o aplicativo foi hackeado e estava sendo usado para assaltar mulheres.

Acontece que, assim como na história anterior, não existe nenhuma informação de que hackers teriam invadido o sistema do Uber no Brasil. Ao procurar mais detalhes sobre o assunto, não encontramos nenhuma notícia ou mesmo informação oficial de pessoas que invadiram o sistema para realizar.

Além disso, o modus operandi (esquema) dos hackers não seria eficiente. Para começar, seria necessário milhares de criminosos organizados em diversos lugares do país, o que acarretaria assaltos em massa (e chamaria muita atenção). E mais: se alguém, de fato, quisesse assaltar um usuário do Uber não precisaria de tanto esforço. Basta se cadastrar como motorista e esperar pela corrida. Mesmo assim, se tivesse acontecido algo parecido, já teríamos notícia.

Pronto, já deu para perceber que é boato. Mas vamos convir que diante da violência urbana não é impossível que, de fato, a usuária tenha sido vítima de uma tentativa de assalto. Mas isso poderia acontecer com quem pediu Uber, táxi, carona ou mesmo está esperando o ônibus inocentemente em uma parada (o que, em alguns lugares, é mais perigoso).

Resumindo: não há nenhuma prova de que hackearam o Uber para cometer sequestro relâmpago com nossos dados. Ou seja, muita conversa e mais um #boato.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 994325485.

8 comentários em “Hackearam o Uber para cometer sequestro relâmpago com nossos dados #boato

  • 07/05/2018 em 13:16
    Permalink

    Diz que é boato para mim que fui assediada e estorquida por um “uber”. Não estava sóbria, reconheço meu erro, mas isso não muda o fato de alguém se aproximar na hora que chamei o uber e me chamar pelo nome. Me cobrou um valor que era 4x mais por uma corrida e como achei o preço absurdo ele falou que eu ia ter que pagar de qualquer maneira é pelo fato de eu morar numa rua com uma fama ruim começou a indagar sobre outras formas de pagamento. Mesmo no meu juízo comprometido minha primeira reação foi me oferecer a ir no banco usando a biometria sacaria esse dinheiro sem problemas e deixei inclusive meu sapato como garantia. Corri como uma louca e fui para casa e com medo cheguei e dormi. Enquanto eu dormia essa pessoa foi na minha casa disse que eu não paguei a corrida e meu pai que não entende nada pagou. Vamos as vias dos fatos, não há nenhum registro desse homem no meu app, inclusive posso mostrar o print, é pelo registro do GPS no mapa dava para ver que o itinerário que ele fez era outro que sem que tudo que eu faço é pelo cartão de crédito eu nunca pediria nada maior que eu tinha na mão que era 15 reais. Por fim digo que não usarei mais na minha vida esse app e falarei a todas as mulheres pior que sermos enganadas e ver nossa história virar um simples boato. Eu sou a louca que desceu de um carro em movimento,correu descalça e pediu ajuda a uma outra pessoa desconhecida para chamar um uber até minha casa e mesmo assim ele cobrou uma corrida indo até a minha casa. Se não hackearam então tem bandidos usando o app que é pior pois ele sabia exatamente meu endereço onde ele pegou o dinheiro e outra se ele sabia onde era o endereço como eu posso ter chamado pro local errado, pq o itinerário feito são ruas que não tem como cruzar até a outra se tornando até desconhecido o caminho para quem é novo na região. Já que é um boato favor restituir esse dinheiro até pq a corrida não existe no uber.

    Resposta
  • 22/12/2017 em 17:46
    Permalink

    Este mesmo caso aconteceu com duas amigas minhas. Que conheço bem e sei que não estão mentindo.
    Os motoristas “falsos” chegaram chamando pelos nomes delas, e saíram em disparada quando elas perceberam que não era o carro certo.
    Não me parece boato. Tenham respnsabilidade .

    Resposta
    • 07/01/2018 em 12:30
      Permalink

      Quem são suas amigas? Onde aconteceu o caso? Quando? O tal motorista se identificou como motorista do uber ou veio pelo aplicativo. Esse artigo trata de contas usuários hackeadas, foi esse o caso?
      Apresente provas. Disse-me-disse não ajuda em nada e só aumenta o boato!

      Resposta
  • 20/12/2017 em 10:07
    Permalink

    Como que a conta da motorista foi hackeada, e ela conseguiu acessar???? e o bandido tbm conseguiu acessar??? nao tem como fazer login em dois celulares diferentes! ponto final

    Resposta
    • 20/12/2017 em 10:11
      Permalink

      os links citado realmente sao noticias validas… ou seja, se vc teve seu login uber hackeado, vc nao vai conseguir acessar!!! eh impossivel hackearem, usarem o seu login uber e vc tbm conseguir usar ao mesmo tempo!!! se eh impossivel pra usuarios, imagine para motoristas!!! como o cara vai ter dois celulares conectados (sequestrado + motorista) ao mesmo tempo???

      quando começarmos a pensar pela logica, antes da emoção ou raiva (taxistas), assim raciocinaremos mais facilmente, e talvez nem seja preciso ler o texto todo.. soh de pensar no lógico ja se percebe que é mentira!

      Resposta
  • 18/12/2017 em 01:14
    Permalink

    Minha conta foi hackeada e utilizada em Moscou por um usuário do Casaquistão. Como fiquei sabendo? Estava trabalhando e recebi uma msg que meu Uber estava a caminho. Como não havia feito nenhuma solicitação, entrei na minha conta e vi um tal Serguei andando por toda Moscou. Sabe o que o Uber fez? Passou a me tratar como Serguei. Cancelei conta,cartão e ainda paguei IOF.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)