Governo liberou lote do 14º salário para aniversariantes de janeiro a julho #boato

Boato – O governo liberou o primeiro lote do 14º salário para aniversariantes de janeiro a julho. Você pode fazer a consulta em site.

Nos últimos dias, um tipo de boato que estava meio esquecido voltou com tudo na internet: o do falso benefício do governo. Há poucos dias, desmentimos a história que aponta que quem trabalhou entre 1998 e 2017 teria direito a um benefício. Hoje, uma outra história está fazendo as pessoas entrarem em um site malicioso.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99432-5485 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Circula no WhatsApp a informação de que o governo teria liberado o primeiro lote do 14º salário para as pessoas que nasceram entre janeiro e junho. A única coisa que você precisa fazer é entrar em um site, responder três perguntas e enviar a mensagem para os seus amigos. Leia (reprodução do WhatsApp):

Print da notícia falsa que fala sobre 14º salário para quem nasceu de janeiro a julho
Print da notícia falsa que fala sobre 14º salário para quem nasceu de janeiro a julho

Governo liberou lote do 14º salário para aniversariantes de janeiro a julho?

A história, assim como outras de falsos benefícios, se espalhou rapidamente no WhatsApp. Mas será mesmo que o governo liberou o lote de 14º salário para quem nasceu entre janeiro e julho? A resposta é não. Vamos aos fatos.

O primeiro e mais óbvio ponto está no modus operandi de quem criou a balela. Quem acompanha o Boatos.org (aconselho você a nos acompanhar) sabe que mensagens que prometem “mundos e fundos” e enviam para sites que fazem enquetes óbvias com pedido de compartilhamento escondem roubo de dados.

Pode ter certeza que os sites utilizados escondem vírus e roubam dados. O melhor que você pode fazer é não clicar no link. Se clicou, não responda a enquete. Se respondeu, não envie a mensagem.

Para além disso, o “gancho” para o golpe sequer existe. Sim, se você não percebeu, a grande maioria dos brasileiros não têm direito ao 14º salário. Até 2013, deputados e senadores tinham direito ao 14º e 15º salário. Porém, o benefício foi extinto.

Atualmente, o benefício é negociado entre patrões e empregados e, em raros casos, é pago como uma bonificação. Em algumas cidades, o 14º salário é pago, por exemplo, para professores da rede pública da ensino.

Resumindo: nem o governo paga 14º salário para as pessoas nem você deveria entrar no site citado para consultar qualquer lista. A história é falsa e esconde um golpe que circula na internet.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp no telefone (61) 994325485.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)