Bonecas trans com pênis, como a Niny, começam a ser vendidas no Brasil #boato

Boato – Empresas de brinquedos estão vendendo bonecas transexuais. Uma delas é a Niny, boneca que vem com roupa de menina e pênis.

Desde as polêmicas criadas com a exposição Queermuseu (aquela do Santander) e as obras do artista Wagner Schartwz (no MAM em São Paulo), a “internet” parece estar cada vez mais preocupada com a questão da sexualidade e as crianças.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Sem entrar no mérito de quem está certo ou não, o fato é que o número de pessoas “indignadas” com a “pouca vergonha” que estaria sendo ensinada aos filhos delas tem aumentado. O grande problema é que muitas destas pessoas “gastam energia” com informações falsas ou distorcidas (temos sete delas nesta lista do Boatos.org).

Circula na internet a informação de que empresas começaram a vender bonecas transexuais no Brasil. Como “prova” da ação encontramos alguns materiais. Pelo Facebook, um post dava conta de que começaram a vender as bonecas que parecem uma menina e vem com órgão de menino. O texto ainda aponta que não há aviso que a boneca vem com órgão masculino. “OBS: Se viesse escrito na capa que essa boneca vem com um órgão masculino, aí sim, só compra quem quiser, mas não veio”, diz.

O texto ainda fala que não foi erro de fabricação. “A boneca foi posta a roupinha nela, e o setor de qualidade da empresa responsável pela fabricação só aprova a boneca se ela passar no teste de qualidade; então na foi erro, foi proposital mesmo”, completa. Leia a postagem (print do Facebook) e assista ao vídeo:

Print da notícia falsa que fala que estão vendendo uma bonecas com pênis no Brasil
Print da notícia falsa que fala que estão vendendo bonecas com pênis no Brasil

Bonecas trans com pênis começam a ser vendidas no Brasil?

O post e o vídeo foram muito compartilhados na internet. Mas será mesmo que as empresas estão vendendo bonecas trans e uma delas é a Niny da Homeplay? A resposta é não. Vamos aos fatos.

O post segue aquele enredo básico de boato na internet: é alarmista, pede compartilhamento tem alguns erros de ortografia e informações vagas. Para tentar entender melhor os casos buscamos a origem da filmagem.

O vídeo compartilhado junto com o post é de um caso que aconteceu em novembro de 2015 com uma consumidora de Minas Gerais. Na época, a história virou notícia e a Homeplay desmentiu que estivesse lançando uma “linha trans” de brinquedos com a boneca Niny.

Ao contrário do que aponta o post no Facebook, trata-se sim de um erro de fabricação (até porque este foi o único caso relatado de uma boneca Niny com pênis). Leia trecho de notícia publicada na época pelo BHAZ:

O BHAZ entrou em contato com a Home Play, responsável pelo brinquedo. Por telefone, uma atendente adiantou que a empresa já tinha conhecimento do vídeo e que os diretores já estavam em busca de onde teria acontecido o erro, uma vez que a empresa não é responsável pela fabricação.

Não conseguimos achar a origem da outra foto. Mas levando em conta que não há o lançamento de nenhuma boneca com pênis ou boneca trans, há de se convir de que é bem provável de que se trata de um erro de fábrica (muito provavelmente no molde da boneca) ou uma montagem.

Resumindo: não tem nenhuma empresa vendendo bonecas transexuais com genitália no Brasil. Seria, no mínimo, pouco inteligente uma empresa “criar propositalmente” uma surpresa para os consumidores. Caso você encontre uma boneca com defeito na linha da cintura, entre em contato com a empresa para resolver o problema antes de criar teorias da conspiração.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook e WhatsApp no telefone (61) 994325485.

Edgard Matsuki

Jornalista e caçador de falcatruas na internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)