Bilhete único não está mais valendo no Rio de Janeiro #boato

By | 26/11/2016

Boato – A partir de amanhã, o bilhete único no Rio de Janeiro não vai estar valendo mais. O governo não repassou o valor para as empresas.

A crise financeira do Rio de Janeiro assusta muita gente. Nos últimos dias, não foram poucos os protestos contra o ajuste fiscal no estado. Em meio a todo esse cenário de caos, diversos boatos aparecem na internet.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Bilhete único não está mais valendo, diz boato

Bilhete único não está mais valendo, diz boato

A última história que circula online dá conta que o bilhete único (ticket que você pode usar em mais de uma viagem) não vai valer mais a partir do dia 26/11/2016 (a versão que estamos desmentindo do boato dá esse dia. Mas sabe como é a internet). Leia o texto que circula online:

Fiquem ligados amigos!!! Estou repassando…não sei se confere… porque se o “GIGANTE” não acordar; nós vamos tomar na taraqueta mais uma vez!!! *A PARTIR DE AMANHÃ DIA 26/11/2016 O BILHETE ÚNICO NÃO VAI ESTAR VALENDO MAIS.*

*VAI SER DESCONTADO O VALOR NORMAL DA PASSAGEM SEM O DESCONTO.* *O GOVERNO NÃO REPASSOU O VALOR PARA AS EMPRESAS, E MAIS UMA VEZ O POBRE TOMA.* *NÃO ESTÁ SENDO DIVULGADO PARA NÃO CAUSAR MAIS TUMÚLTOS DO QUE JÁ ESTÁ TENDO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO.*

*QUE VERGONHA PARA O NOSSO ESTADO.* *DIVULGUE PARA O MÁXIMO DE PESSOAS QUE PUDER, POIS ISSO É UM ABSURDO.* *Att: Deputado Estadual Marcos Abraão.* *Esse nome dá Trabalho.*

Bilhete único não está mais valendo no Rio de Janeiro?

É claro que, em meio a cortes no Rio de Janeiro, uma notícia como essa não surpreenderia. Porém, para a sorte dos cariocas, o bilhete único não vai ser cortado (pelo menos por enquanto). Vamos aos fatos.

O “X” da questão está justamente no atraso do governo do Rio de Janeiro. Há uma dívida de R$ 6 milhões do Estado em relação às empresas concessionárias que administram o metrô. E, sim, chegou-se a ventilar a possibilidade do programa ser cortado.

Porém, uma reunião no dia 25/11 definiu o futuro do programa. Nela, o governo prometeu pagar a dívida e manter o bilhete único. Porém, nem tudo são flores. O governo apontou, também, vai aumentar o custo de R$ 6,50 para R$ 7,50. De uma forma ou outra, a coisa vai estourar no bolso da população. Para completar, a Secretaria de Transportes desmentiu a postagem que circula em redes sociais. Leia:

“A Secretaria de Estado de Transportes informa que são falsas as notícias veiculadas em redes sociais que anunciam o fim do Bilhete Único Intermunicipal. Após reunião ontem (25/11) com os operadores de transportes públicos, o Governo do Estado anunciou que o programa está mantido. Apesar dos recentes arrestos às contas estaduais e da crise financeira, o Governo do Estado irá regularizar o pagamento do subsídio na próxima semana, sem prejuízos à população.

O Governo do Estado reforça a importância das alterações propostas à Assembleia Legislativa (Alerj) para readequar o programa à nova realidade financeira do Estado, como o reajuste da tarifa do BUI de R$ 6,50 para R$ 7,50 e o limite de subsídio de R$150 por beneficiário para a complementação das passagens no transporte público. Segundo estudos, juntas, as medidas devem gerar economia de R$ 256 milhões.”

Resumindo: a informação que aponta que o bilhete único vai acabar no Rio de Janeiro é falsa. Isso não significa que o transporte no estado esteja em uma situação confortável. O reajuste mostra justamente isso.

Ps.: Esse artigo é uma sugestão das leitoras Agni Shakti, Evelin e mais cinco que não se identificaram. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site, Facebook ou WhatsApp no telefone (61) 99331-6821.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *