7 boatos sobre cachorros que circulam na internet

Dizem por aí que o cachorro é o melhor amigo do homem. E enquanto esses animais ocupam esse carinhoso espaço, em troca os seres humanos espalham boatos sobre eles. O Boatos.org separou sete histórias estranhas envolvendo cachorros – e que são falsas – para você ficar por dentro dessa mania.

Dogs, cachorros, cachorrinhos, cachorrões, de tudo quanto é jeito esses animais são muito populares entre nós. Tem quem crie como filho, tem quem considere da família, têm estúpidos que maltratam, tem de tudo.

Além de queridos pelas pessoas em geral, os cachorros também são populares em boatos da internet
Além de queridos pelas pessoas em geral, os cachorros também são populares em boatos da internet

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org
Siga o Boatos.org no Twitter:
Envie uma mensagem com a palavra #boato para (61) 99331-6821 e agende este número no seu telefone para receber as nossas atualizações gratuitamente no WhatsApp

E já que é assim tem também gente que inventa os boatos mais bizarros envolvendo cachorros. Nós fizemos uma lista com algumas histórias envolvendo os dogs que sempre circulam na web. Confira aí:

1) Ajudem os labradores

Como é típico de correntes nas redes sociais, a história dos labradores fofos se espalhou rápido e por todo lugar. O boato mostrava a foto de vários labradores filhotes e afirmava que os cãozinhos precisavam ser doados porque a mãe se negava a alimentá-los. Também apelaram para o fato de que se ninguém os adotasse eles acabariam morrendo.

No entanto, o caso que pode até ter começado como algo verdadeiro acabou sendo compartilhado em várias cidades de diferentes estados do país. O telefone para contato informado na corrente foi repassado sem DDD o que entregou mais ainda a falsidade da história.

No fim, tudo se tratou de uma corrente que começou com boas intenções e como na brincadeira do telefone sem fio, perdeu totalmente o sentido depois e virou boato. Leia mais sobre o boato aqui.

2) Quiabo para cinomose e parvovirose

Muito comuns na internet, receitas milagrosas para curar doenças se espalham bem rápido por que as pessoas costumam acreditar nelas com facilidade. Assim, a história de que sopa de quiabo ajuda a curar sintomas de cinomose e parvovirose em cães fez sucesso na web.

Um texto trazia o depoimento de um homem não identificado afirmando que o quiabo foi responsável por salvar a vida de seu cão. No entanto, não foi complicado descobrir a falsidade dessa história, já que veterinários refutaram totalmente a efetividade desse tratamento para as doenças.

No fim, só as vacinas de prevenção e o tratamento tradicional são garantia de um cãozinho saudável, o resto é balela. Leia mais sobre o boato aqui.

3) Bolinhas de veneno

Outra história envolvendo cachorros e que fez muito sucesso na internet foi o caso das bolinhas 3rp. Em 2013, começaram a espalhar um texto estilo denúncia afirmando que bandidos estavam usando bolinhas 3rp para envenenar cães. O suposto golpe era matar os animais para que assim a casa ficasse desprotegida.

Porém, a imagem que as pessoas vinham repassando junto com o tal texto eram na verdade de bolinhas de paintball e não tinham relação nenhuma com veneno. Aliás, mastigar essas bolinhas também não era venenoso, nem para animais nem para seres humanos (sim, encontramos quem mastigasse essas bolinhas, vai entender…).

Portanto, saíram espalhando que havia bandidos envenenando cachorrinhos com bolinhas, mas era tudo mentira. Leia mais sobre o boato aqui.

4) Carne de cachorro no McDonalds

Os mitos que circulam sobre a indústria da comida são impressionantes, imaginem o estrago quando aparece na web um caso que liga esse fatídico ramo aos amados dogs.

Imaginaram? Pois então está fácil visualizar o escândalo que foi feito quando circulou na internet a notícia de que o McDonalds usava carne de cachorro para fazer hambúrgueres.

A denúncia apareceu em julho de 2016 com imagens bem chocantes. Mostrava cachorros mortos sem pelos e cabeça nas prateleiras (carne a espera de corte) além de fiscais do Procon e matadores de cachorro. Isso bastou para que afirmassem que o Procon tivesse descoberto o esquema e multado o restaurante.

No entanto, não foi nada disso que aconteceu. Os criadores desse boato, na verdade, reuniram várias fotos de contextos diferentes para enganar as pessoas. Fotos de comerciantes de cachorro de países que de fato consomem carne desse animal, carne para corte de uma foto do Wikipedia e uma imagem da rede de notícias RBS. Ou seja, tudo montagem e sem nenhuma relação com o MacDonalds. Leia mais sobre o boato aqui.

5) Cara de cachorro, por favor

Se há algo que nós não devemos julgar são os gostos. Cada um tem o seu e pronto. Mas, se impressionar pode e foi o que aconteceu quando as pessoas souberam da história do homem que pagou 200 mil dólares para ficar parecido com um cachorro. Isso mesmo, segundo contaram, um homem gastou uma pequena fortuna para parecer com o Scooby Doo.

Apesar de chocante, e do sucesso que fez quando foi circulado, é claro que esse caso não era real. Tratou-se de uma brincadeira postada no Sensacionalista, que bem sabemos não publica notícias verdadeiras.

Além disso, depois de investigar mais descobrimos que a história tinha uma versão gringa em que o suposto “homem com cara de cachorro” era brasileiro. Porém, esse homem era um artista plástico que criou algumas imagens em que aparecia com cara de cachorro, mas tudo foi um trabalho digital, não houve plástica alguma. Loucura tem limite, certo? Leia mais sobre o boato aqui.

6) O cão salva-vidas

Histórias impressionantes e muitas vezes inacreditáveis também se espalham muito rápido. Quando elas vêm com alguma mensagem religiosa a chance de se tornarem viral aumenta mais ainda. Foi o que aconteceu com o caso do cachorro que salvou a vida de um recém-nascido abandonado pela mãe em um lugar qualquer.

Segundo informaram, o animal teria encontrado o bebê e levado à casa mais próxima para que as pessoas o salvassem. Disseram que era uma ação de Deus para proteger o um inocente. Na época, tanta gente acreditou no caso que ele acabou sendo compartilhado por mais de 600 mil pessoas.

Apesar do alcance dessa história, ela foi uma mistura clássica de meia verdade com uma mentira completa. De fato um cachorro encontrou um bebê e o carregou na boca, mas ele não estava vivo. Tanto que a polícia foi acionada para investigar o caso.

No fim, a imagem do animal salva-vidas com o recém-nascido na boca rodou o mundo, mas a história era falsa. Leia mais sobre o boato aqui.

7) Todos salvem o Thor

Por último, mas de modo algum menos importante, a história do cachorro super-herói Thor deu muito que falar. Para quem não se lembra, tratou-se do caso do pitbull de Brasília que salvou sua dona ao matar dois estupradores. Por causa do crime, a Justiça teria exigido que o cachorro fosse sacrificado.

Quando essa história ganhou força foi aquele “Deus nos acuda”. Muita gente revoltada com a situação imposta ao animal compartilhou a corrente na tentativa de salvar a vida do cão. Mas nem precisava de tanto alarde.

Acontece que não houve uma notícia sequer de estupro impedido por cachorro em Brasília e a imagem compartilhada junto com o texto mostrava um pitbull aleatório, que não chamava Thor e muito menos tinha salvado a dona de estupradores. Também não tinha exigência alguma da Justiça, foi tudo inventado. Coisas da internet. Leia mais sobre o boato aqui.

3 comentários em “7 boatos sobre cachorros que circulam na internet

  • 29/12/2016 em 19:07
    Permalink

    Estão divulgando no WhatsApp:

    “Doa-se filhotes de Dalmatas, a mãe não quer alimentar os filhotes, então a doação é imediata e eles tem que ser alimentados na mamadeira! Por favor passem pra frente, é urgente a doação a dona não tá dando conta de cuidar de todos os filhotes e já faleceram 4!
    Contato: Gustavo Porto 9.9619-1001”

    Daí tem uma foto de vários filhotes de dálmatas (não deu pra colar aqui…)

    Resposta
    • 30/12/2016 em 20:14
      Permalink

      Pois é, também recebi isso e acredito ser boato, pois o número de contato não tem nem DDD e os filhotes da foto já tem tamanho suficiente para comer ao menos papinha…

      Resposta
      • 05/04/2017 em 14:00
        Permalink

        Doa-se filhotes de Dalmatas, a mãe não quer alimentar os filhotes, então a doação é imediata e eles tem que ser alimentados na mamadeira! Por favor passem pra frente, é urgente a doação a dona não tá dando conta de cuidar de todos os filhotes, ou eles vão morrer!!!

        Contato: Gabriel
        (22)99873-4480
        REPASSEM POR FAVOR!

        Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Em vez de copiar o nosso conteúdo, compartilhe no Facebook :)