Hoax: cão do meme “Qual a necessidade disso” morre atropelado nos EUA

By | 22/10/2014
Cachorro do meme teria morrido atropelado, diz boato

Cachorro do meme teria morrido atropelado, diz boato

Boato – Depois de ser envenenado, o chihuahua Clifford morreu atropelado em Nova Iorque. Informação foi de Bruno Groening.

Para quem vive afundado no mundo da internet e redes sociais, o meme é uma das formas de expressão mais eficazes. Um meme passa muito mais do que o que está explícito. Ele passa um conceito. E um dos memes que mais pegou no Brasil nos últimos tempos foi de um cachorro da raça chihuahua com a mensagem “Qual a necessidade disso?”.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Pois no dia 21 de outubro de 2014, uma notícia deixou os internautas mais tristes. Publicada no site TabloideBR, a informação dava conta que Clifford, o amado cãozinho, havia morrido atropelado em Nova Iorque. De acordo com o texto, a notícia foi dada por Bruno Groening, dono do animal. Leia trechos:

Chihuahua do meme “Qual a necessidade disso?” é atropelado por ônibus e morre nos EUA. A informação vem de seu antigo dono, Bruno Groening. que mora atualmente no estado de Nova Iorque nos EUA.

O cãozinho Clifford se tornou um dos principais “memes” da internet brasileira ao surgir no Facebook ilustrando os mais diversos comentários em publicações bizarras feitas na rede social com os dizeres “Gente,qual a necessidade disso?”.

Com 9 anos o pequeno cão da raça Chihuahua havia recém se recuperado de um envenenamento por chumbinho há cerca de três semanas, quando um vizinho de Bruno, incomodado com o barulho resolveu tomar medidas drásticas pra resolver o “problema”.

Guardas foram deslocados até o prédio onde o rapaz mora e um pequeno interrogatório foi realizado com R.M. que negou qualquer envolvimento. Os policiais então resgataram a gravação da portaria onde se viu Clifford saindo em direção à rua e sendo atropelado por um ônibus. Bruno não havia encontrado o Chihuahua pois horas depois os agentes de limpeza passaram e recolheram o corpo que foi levado para a central de coleta de animais.

Seria uma vida muito trágica para um cachorrinho, não? Pois então, pode ficar tranquilo que a história é uma balela. Muito bem escrita, mas uma balela. Antes de ficar de luto, vamos aos fatos.

O primeiro ponto é a fonte da informação. O Tabloide BR dá como fonte o site NYPDay Post. É lógico que o jornal com nome cacofônico não existe. Também tentamos achar alguma referência do tal dono do cachorro, o Bruno Groening. E o que achamos foi um líder espiritual que morreu em 1959. Ao procurarmos por Bruno Groening e Clifford, achamos apenas as referências ao tal texto da morte do cachorro.

Esses indícios já apontavam para uma notícia falsa. Mas o martelo foi batido quando descobrimos que o cachorro não se chama Clifford. Antes de aparecer no Brasil pela página do Facebook “Site dos Menes”, a imagem do cachorro ilustrou um Tumblr sobre cães simpáticos em 2013. E o nome dele era Cricket.

Agora que sabemos que a história é falsa, é claro que uma pergunta não podia faltar ao fim deste texto: “Gente. Qual a necessidade disso?”.

PS: esse artigo foi uma sugestão da leitora (e amiga) Amanda Cieglinski. Se você quiser sugerir um tema para o Boatos.org, entre em contato com a gente pelo site ou pelo Facebook. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *