Hoax: menina de 10 anos grávida exibe barriga para foto

By | 30/06/2014
Boato. Criança de 10 anos de idade posa contente para foto mostrando a gravidez precoce

Boato. Criança de 10 anos de idade posa contente para foto mostrando a gravidez precoce

Boato – Criança de 10 anos de idade posa contente para foto mostrando a gravidez precoce.

Discussões sobre a infância e adolescência são constantes. Diagnósticos pessimistas sobre a “infância estar perdida”, comentários do tipo “as crianças de hoje já não são como eram antigamente” e até mesmo sinais do Apocalipse ao estilo “olhem isso é o fim dos tempos” são facilmente ouvidos por aí. E, com a mesma facilidade, julgamentos semelhantes são postados e compartilhados em redes sociais.

Quer se livrar de boatos? Clique para curtir o Boatos.org

Em janeiro o boatos.org esclareceu a postagem de uma criança que supostamente tinha 10 anos e aparecia grávida com a barriga pintada ‘Mamãe te ama’. A foto havia sido postada e compartilhada em diferentes lugares com informações discordantes (Confira a matéria). Seis meses depois, cá estamos nós numa situação parecidíssima.

A imagem de uma menina grávida exibindo a barriga para a foto com um sorriso no rosto foi postada num perfil do Facebook e comoveu tanto que gerou mais de 80 mil compartilhamentos, 21 mil curtidas e centenas de comentários. Com a foto, o seguinte texto:

Retrato fiel de um país falido, sem educação, sem cultura, sem dignidade, sem identidade, com um povo tolo, acomodado… E com uma televisão de péssima qualidade. Que lindo hein Brasil, o país da copa e das olimpíadas!!Uma infância perdida…

Esta foto é na Bahia e esta criança tem apenas 10 anos de idade.Parabéns a todos os pais que acham lindo seus filhos escutar e dançar “poluição sonora” que em nada acrescenta e serve apenas para falar de sexo, traição, inversão de valores, depravação etc. Parabéns ao poder público por não oferecer uma educação digna de qualidade.Esse é o nosso Brasil!!! Do bbb, das novelas, do futebol, da fazenda… Lamentável.
Que DEUS abençoe essas duas crianças’.

A mesma foto foi postada uma semana depois numa página caribenha, a The Caribbean’s Baddest Males & Females, com esta legenda: 10 year old girl in Mexico has a baby boy to a 14 year old boy. The world is really ending y’all’ (Garota de 10 anos no México terá um bebê de um garoto de 14 anos de idade. O mundo está mesmo acabando).

Se não perceberam na tradução livre, repetimos. Com apenas uma semana de diferença a garota grávida mudou de nacionalidade. Na primeira postagem se afirma que a menina é da Bahia, na segunda dizem que a garota é mexicana. Brasil ou México?

Não se sabe, bem como possivelmente nenhuma das postagens pode afirmar a idade da menina. Mesmo assim, o mais preocupante é que elas compartilham a imagem de uma criança, e possibilitam todo tipo de comentários e julgamentos, quando o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) prevê:

‘Art. 17. O direito ao respeito consiste na inviolabilidade da integridade física, psíquica e moral da criança e do adolescente, abrangendo a preservação da imagem, da identidade, da autonomia, dos valores, idéias e crenças, dos espaços e objetos pessoais’.

Claro, o ECA não se aplica à postagem caribenha, mas serve para as mais de 80 mil pessoas que compartilharam a foto no Brasil. Uma foto com informações sem qualquer sinal de procedência, postada em diferentes lugares com afirmações contraditórias. Enfim, mais um boato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *